sábado, 13 de abril de 2019

↪️Mortes violentas atingem até 11 vezes mais homens que mulheres jovens

A mortalidade masculina é superior à feminina ao longo de toda a vida. 


Estatísticas do Registro Civil
Mortes violentas atingem até 11 vezes mais homens que mulheres jovens
Editoria: Estatísticas Sociais | João Neto | Arte: Helena Pontes e Marcelo Barroso 

A chance de um homem com idade entre 20 e 24 anos morrer por causas violentas no Brasil é 11 vezes maior que a de uma mulher na mesma faixa etária. É o que revelam as Estatísticas do Registro Civil 2017, divulgadas hoje pelo IBGE. A pesquisa considera como mortes violentas as que são decorrentes de homicídios, suicídios e acidentes de trânsitos, por exemplo.


A mortalidade masculina é superior à feminina ao longo de toda a vida. Contudo, em um determinado intervalo de idade, principalmente entre jovens e adultos jovens, esse diferencial se acentua. As causas principais para essa diferença são justamente as mortes não naturais, que incidem com mais intensidade entre homens”, observa a gerente da pesquisa Klívia Oliveira.

No Brasil, entre 2007 e 2017, houve um amento de 13,0% nos registros de morte violenta na população masculina com idade entre 15 a 24 anos. Alguns estados apresentaram crescimento bem acima da média nacional: Ceará (144,1%), Sergipe (134,7%) e Bahia (128,5%).

Confira também:
↪️Mulher  presa acusada de integrar rede de pedofilia, abusava e exibia a própria filha
↪️Violência doméstica contra homens cresce assustadoramente no Brasil. Por Dr. Yves Zamataro
↪️Pagamento do 14º: Articulação Nacional para defesa do Incentivo Adicional

Conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) a mulher denunciou o crime para o Conselho Tutelar no dia 5 de abril, logo após descobrir o vídeo. A Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (Dceca) foi acionada e pediu a prisão preventiva do homem.

Os policiais da especializada cumpriram o mandado de prisão contra o suspeito ontem, quarta-feira (10). Ele foi autuado por estupro de vulnerável agravado pela filiação, além da produção e compartilhamento de conteúdo pornográfico envolvendo criança e adolescente.

As penas para os crimes ultrapassam os 30 anos de prisão.

TagsPortarias Leis Reajuste  ACS ACE PMAQ PQA-VS Incentivo Plano de Cargos e Carreiras

↪️ +VÍDEO EM DESTAQUE

👉VÍDEO - VÍDEO - Mulher integrava rede de nacional e abusava e exibia a própria filha. Veja direto no Youtube


Simone Alvim, psicóloga e mestranda, autora do livro "Homens, mulheres e violência" traz a tona um tabu: a violência doméstica mas de um modo diferente do que alguns movimentos pregam, pois  lucram com isso (e também censuram). Simone repete o que a trabalhadora social inglesa Erin Pizzey sempre afirmou: que homens e mulheres se agridem na mesma proporção. Simone sofre censura por dize isso. Erin Pizzey também sofreu e inclusive foi ameaçada de morte por tais movimentos. (Cade a igualdade, justiça para todos?).

↪️ Espalhe Sou +Saúde nas suas redes sociais. Siga-nos no FacebookTwitterInstagram e Youtube

Fonte:  agenciadenoticias.ibge.gov.br / Jornal dos Agentes de Saúde do  Brasil, Publicado em 13/04/2019, às 11h08. 





https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif


Nenhum comentário:

Postar um comentário