domingo, 9 de dezembro de 2018

➡️UNICEF garante premiação de Projeto desenvolvido por Agente de Saúde.


"Tanto os Agentes Comunitários de Saúde como os Agentes de Combate às Endemias deveriam ter excelentes salários, planos de cargos e carreira, acesso facilitado à Universidades, além de todas as vantagens já garantidas em leis (...). Foto: Unijorge Paralela e Cristiane Lima, no detalhe


A valorização de uma categoria profissional não está estreitamente ligada a reconhecimento de seus gestores ou entidade contratante, mas reflete os resultados positivos originário do trabalho que ela desenvolve. Onde há qualidade produtiva, inevitavelmente haverá resultados positivos. O caso que envolve a Agente Comunitária de Saúde Cristiane Lima, que atua no Distrito Liberdade, Salvador (BA). Em reconhecimento pelo trabalho implementado, ela foi premiada pela UNICEF, no último dia 07/12, em cerimônia de premiação ocorrida no auditório  Zélia Gathai, na faculdade Unijorge Paralela

Na opinião de Samuel Camêlo, coordenador nacional da MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde (ACS/ACE) tanto a categoria de ACS quanto a de Agentes de Combate às Endemias do Brasil tem um potencial capaz de refletir muito além das fronteiras do país, contudo, esse reflexo está atrelado ao engajamento do profissional ao seu trabalho. Segundo Samuel a falta de condições de trabalho, negação de direitos garantidos em lei e exploração dessas categorias por entidades que são braços políticos de partidos envolvidos em corrupção provoca danos irreparáveis no que poderia ser resultados positivos na qualificação da categoria e na saúde pública do país. 

↪️ VÍDEO: NOVIDADES DA CONACS

👉VÍDEO -  Presidente da CONACS fala sobre as novidades recentes em Brasília

"Tanto os Agentes Comunitários de Saúde como os Agentes de Combate às Endemias deveriam ter excelentes salários, planos de cargos e carreira, acesso facilitado à Universidades, além de todas as vantagens já garantidas em leis. Infelizmente a categoria é explorada, negociada como se fosse mercado aos seus exploradores políticos, que discursam apoio as pautas dos agentes, porém, fazem articulações perversas para impedir que eles tenham autonomia de ser prósperos com o excelente potencial que possuem. O caus encontrado no absurdo número de 200 mil ACS/ACE sem direitos básicos garantidos, reféns de prefeitos e secretários de saúde, além dos abusos impostos por cargos comissionados, que, em muitos casos, não aceitam a realidade da importância dada ao agente, assumem a postura de opressor. 

Não há libertação desses paradigmas, enquanto o ACS e ACE não despertar e se ver como um agente de transformação, promotor de seu próprio futuro e não delegando a sua autonomia para que seja negociada nos gabinetes de políticos. Quanto essas categorias despertam e agem, sem duvida de dúvida, os resultados refletem, até mesmo em seus contracheques, exatamente como tem sido publicado no Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil (como é o caso dos ACE de Brasília com rendimentos que chegam a R$ 5.239,02 e Ipojuca com remuneração de R$ 3.855,00, além de muitos outros já publicados pelo jornal). Não esperem que os outros façam por você, sem o seu envolvimento na construção de uma realidade coletiva, que seja justa," concluiu Samuel Camêlo.

 Leia também

A agente Cristiane Lima e o prêmio da UNICEF pelo projeto idealizado no Multicentro da Liberdade, denominado de “Cantinho da Amamentação,” são reflexos do grande potencial de sua categoria.  Cristiane ainda é a autora do Programa Acolher, que atende gestantes disponibilizando orientações no cuidado na gestação, aleitamento, além de oferecer  enxovais, fraldas para o recém-nascido etc. Tudo por meio de doações. 

O Cantinho da Amamentação criado por Cristiane Lima, após vários trabalhos com as gestantes no Distrito Liberdade, tem colhido resultados com regularidade.

Todos os voluntários e voluntárias que compõe a MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde (ACS/ACE) deixam registrados os seus aplausos e reconhecimento à ACS Cristiane Lima por deixar a sua categoria em evidência a nível nacional. Parabéns, Anjo da Saúde!

↪️ VÍDEO EM DESTAQUE

👉VÍDEO - O Ministro da Saúde sugeriu ao novo Governo de onde poderá tirar os recursos para pagar o reajuste do Piso Nacional

↪️ Espalhe Sou +Saúde nas suas redes sociais. Siga-nos no Facebook, Twitter, Instagram e Youtube

➡️Fonte: Sou +Saúde e Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil em 09/12/2018, às 14h52.





https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif