sexta-feira, 16 de novembro de 2018

➡️“Nós éramos escravos modernos”, diz médico cubano

“A gente trabalhava muito e a ditadura exigia cada vez mais sacrifícios, éramos escravos modernos,” comentou o médico cubano Alioski Ramires

Duda Teixeira, na Crusoé, entrevistou o médico cubano Alioski Ramires, perseguido pela ditadura cubana por ter querido ficar no Brasil com o salário integral que recebia no Mais Médicos.

Ele diz que Cuba é “uma Alcatraz” e que os médicos que vieram para o Brasil eram tratados como “escravos modernos” pelo regime castrista.

“Quando o novo presidente (Bolsonaro) disse que iria pagar o salário integral dos médicos cubanos, nosso governo decidiu se retirar do acordo, eles não se importam com os brasileiros atendidos e sim com o dinheiro que estavam recebendo do Brasil. A ditadura adora dinheiro,” disse o Dr. Alioski Ramires.

De acordo com as informações publicas no ano passado pelo O Antagonista, a ditadura cubana embolsava 75% do “salário” dos médicos enviados pela ditadura de Raul Castro.  O montante segundo analisou o jornal é bem mais do que o BNDES emprestou para construir o Porto de Mariel e o aeroporto de Havana”.

Uma planilha do Ministério da Saúde obtida pelo site O Antagonista revela que o governo brasileiro gastou R$ 5,7 bilhões em quatro anos com o Programa Mais Médicos, que trouxe profissionais de Medicina cubanos para atuar em alguns rincões do país. Pelo acordo firmado durante o governo da ex-presidente Dilma Rousseff, o valor total inicialmente é repassado à Organização Panamericana de Saúde (Opas), mas boa parte dele vai parar em Cuba.

Do total, R$ 4,3 bilhões foram gastos com a chamada “bolsa-formação”, o nome que se dá ao “salário” dos médicos. Como o governo de Cuba embolsa 75% do valor pago pelo governo brasileiro, isso significa que algo em torno de R$ 3,2 bilhões foram parar nos cofres da ditadura de Raul Castro.”

Leia também

O médico cubano Alioski Ramires, de 37 anos, chegou ao Brasil em 2014. Três anos depois, foi acusado por uma integrante da Opas, também cubana, de pedir na Justiça o direito ao salário integral. Com isso, foi excluído do programa Mais Médicos. Da cidade de Valparaíso de Goiás, nos arredores de Brasília. 

Créditos e fontes no final da página! 

✔️Repasse da União: cada Agente Comunitário e de Endemia tem direito a um salário extra

👉Veja nesse vídeo como CONSULTAR o REPASSE do FNS ao seu Município. Feito com o Novo Portal. Acesse o Requerimento Padrão que preparamos para você e seus colegas, CLIQUE AQUI!


✔️Vencer o câncer é mais fácil quando se está cercado de amor

👉VÍDEO: Sem sombra de dúvida nenhuma, vencer o câncer é muito mais fácil quando o amor ♥️ está presente! #Compartilhe 

Fontewww.oantagonista.com e Revista Crusoé Publicado no Jornal dos Agentes de Saúde do  Brasil  em  16/11/2018, às  23h10.   





https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif