quarta-feira, 26 de junho de 2019

↪️Número de mortes por dengue cresce 170% em um ano.

Mortes por dengue mais que dobrou no país Foto: Reprodução


Número de mortes por dengue cresce 170% em um ano
Estado de SP lidera ranking de óbitos

O número de mortes causadas por dengue mais do que dobrou em um ano no país: saltou de 139 no primeiro semestre de 2018 para 366 no mesmo período deste ano, um aumento próximo de 170%.

Os dados constam no boletim mais recente do Ministério da Saúde sobre doenças transmitidas pelo Aedes aegypti , que inclui casos registrados até 8 de junho. É o maior número de mortes desde 2015, quando a dengue matou 752 pessoas.

↪️ VÍDEO EM DESTAQUE 

👉VÍDEO - URGENTE: Casos de Dengue com mortes aumenta em 170% no Brasil, Clique aqui!

O estado de São Paulo lidera o ranking de óbitos, com 145 registros. É seguido por Minas Gerais, Goiás e Distrito Federal, com 79, 29 e 24 casos, respectivamente.

A quantidade de casos prováveis de dengue (que inclui também os suspeitos) aumentou ainda mais no período: saltou de 170.628 para 1.127.244, um aumento de 561%.

Os estados com maior incidência da doença por 100 mil habitantes foram Minas Gerais, Goiás e Mato Grosso do Sul, com 1.804, 1.230 e 1.164 casos. O pico deste ano foi em abril.


A circulação de um sorotipo diferente do vírus da dengue, mudanças climáticas e a urbanização sem planejamento ajudam a explicar o crescimento, segundo infectologistas consultados pela Folha.

Neste ano, predomina o sorotipo 2 da dengue no país, segundo o Ministério da Saúde. É mais agressivo do que o sorotipo 1 e o 4, que circulavam com mais intensidade –o vírus tem ainda um quarto subtipo, o 3.

Frequente em análises no final dos anos 1990 e início dos anos 2000, o tipo 2 circulou com maior força pela última vez em 2008 no país.

 Leia também

Como muitas pessoas não foram infectadas pelo sorotipo 2 e, por isso, não foram imunizadas, ficam mais suscetíveis à contaminação, explica Marcelo Burattini, professor do departamento de Infectologia da Unifesp.


 ↪️Supremo deve decidir se servidor pode ter redução de salário e de carga horária


A votação estava prevista para o último dia 6 de junho, mas a sessão estourou o tempo previsto para a análise da pauta do dia.

Medida é permitida por lei, caso limite de gastos com folha de pessoal seja ultrapassado. Norma está suspensa por liminar.

RIO - O Supremo Tribunal Federal (STF) deve votar, nesta quarta-feira, a constitucionalidade de artigos da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Entre os trechos que foram questionados, está o artigo 23 da lei, que permite a redução da carga horária e dos salários de servidores, caso os estados ultrapassem o limite de gastos permitido com a folha de pagamento. A norma está suspensa por liminar. O atual relator desse processo é o ministro Alexandre de Morais.
Clique aqui!



↪️Vacina contra o câncer poderá ser testada em humanos


“Este é um estudo crítico na avaliação desta vacina”, disse o Dr. Thamm.

Uma vacina, que já foi testada com sucesso em laboratório para prevenir ou retardar o câncer em cães, deverá ser testada em breve, em humanos.

Os pesquisadores da Universidade Estadual do Arizona e da Universidade Estadual do Colorado estão se preparando para testar uma droga que espera treinar o sistema imunológico para reconhecer e atacar uma parte específica das células cancerígenas. Leia a matéria completa, Clique aqui!


↪️ +VÍDEO EM DESTAQUE 

👉VÍDEO - CONACS: Audiência marca principais pontos da nova articulação em Brasília.  Veja direto no Youtube


👉VÍDEO - URGENTE: Desmascarada as mentiras sobre a Federalização dos agentes de saúde. Veja direto no Youtube
Assista  a um dos 22 vídeos sobre a Federalizaçãoclique aqui!

Fonte:   Folhapress / Jornal dos Agentes de Saúde do  Brasil.  Publicado em  26/06/2019, às  18h55





https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif


↪️Supremo deve decidir se servidor pode ter redução de salário e de carga horária

A votação estava prevista para o último dia 6 de junho, mas a sessão estourou o tempo previsto para a análise da pauta do dia.


Supremo deve decidir se servidor pode ter redução de salário e de carga horária

Medida é permitida por lei, caso limite de gastos com folha de pessoal seja ultrapassado. Norma está suspensa por liminar.  O Globo 26/06/2019 - 07:07 / Atualizado em 26/06/2019 - 08:51

RIO - O Supremo Tribunal Federal (STF) deve votar, nesta quarta-feira, a constitucionalidade de artigos da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Entre os trechos que foram questionados, está o artigo 23 da lei, que permite a redução da carga horária e dos salários de servidores, caso os estados ultrapassem o limite de gastos permitido com a folha de pagamento. A norma está suspensa por liminar. O atual relator desse processo é o ministro Alexandre de Morais.


↪️ VÍDEO EM DESTAQUE 

👉VÍDEO - Dra. Elane Alves, ex-assessora da CONACS, reage as declarações de Ilda Angélica. Veja os comentários da categoria, Clique aqui!

Salários: Das dez carreiras com maior remuneração no Brasi, 7 estão no setor público

A votação estava prevista para o último dia 6 de junho, mas a sessão estourou o tempo previsto para a análise da pauta do dia. Com isso, foi necessário fixar uma nova data.

Na última sessão realizada sobre o tema, em fevereiro, a Advocacia Geral da União (AGU) foi favorável à redução dos vencimentos dos servidores. A Procuradoria-Geral da República (PGR) defendeu a LRF, mas pediu a inconstitucionalidade do corte nos salários.

Aposentadoria: No Rio, 69% dos servidores, como professores e policiais, têm direito a aposentadoria especial


O artigo 23 da LRF prevê que, se os estados comprometerem mais de 60% de suas receitas com despesas de pessoal, podem reduzir a jornada de trabalho de funcionários públicos e cortar salários, proporcionalmente.

Este e outros trechos da lei foram contestados por ações de diversos órgãos públicos e estão suspensos desde 2007 por decisão liminar.

Previdência : Policiais federais querem mesmos benefícios das Forças Armadas na reforma

A LRF entrou em vigor em 2000 e determina que os estados não podem exceder o limite de 60% da relação entre despesa com pessoal e a receita disponível para gastos.

 Leia também

Há ainda um limite de alerta, de 44%. Mas muitos estados burlam essas regras adotando metodologias diferentes para contabilizar despesas com pessoal, com o aval dos tribunais de contas estaduais. Alguns estados, por exemplo, não colocam gastos com pensionistas nessa rubrica.

Há ainda um limite diferenciado de acordo com os poderes dentro de cada estado. No caso do Legislativo (incluindo o Tribunal de Contas), o teto para gastos com pessoal é de 3%. Para o Judiciário, o limite é de 6%. Para o Ministério Público, de 2%. E para o Executivo, de 49%.

↪️Vacina contra o câncer poderá ser testada em humanos


“Este é um estudo crítico na avaliação desta vacina”, disse o Dr. Thamm.

Uma vacina, que já foi testada com sucesso em laboratório para prevenir ou retardar o câncer em cães, deverá ser testada em breve, em humanos.

Os pesquisadores da Universidade Estadual do Arizona e da Universidade Estadual do Colorado estão se preparando para testar uma droga que espera treinar o sistema imunológico para reconhecer e atacar uma parte específica das células cancerígenas. Leia a matéria completa, Clique aqui!



↪️ Agentes de Saúde desenvolvem Método Prático e Pedagógico para auxiliar na Medicação de Pacientes com Dificuldade de Leitura


Para os idosos que não conseguem ler, a equipe desenvolveu um método simples e prático para que os pacientes pudessem fazer uso dos medicamentos sem dificuldades.

O excelente trabalho que o agentes de Saúde vem desenvolvendo em Salto da Divisa, têm melhorado muito a qualidade de vida dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) na cidade. Leia a matéria completa, Clique aqui!


↪️ +VÍDEO EM DESTAQUE 

👉VÍDEO - CONACS: Audiência marca principais pontos da nova articulação em Brasília.  Veja direto no Youtube


👉VÍDEO - URGENTE: Desmascarada as mentiras sobre a Federalização dos agentes de saúde. Veja direto no Youtube
Assista  a um dos 22 vídeos sobre a Federalizaçãoclique aqui!

Fonte:   Com informações do Daily Mail  / Jornal dos Agentes de Saúde do  Brasil.  Publicado em  26/06/2019, às  18h55





https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif


↪️ Vacina contra o câncer poderá ser testada em humanos

“Este é um estudo crítico na avaliação desta vacina”, disse o Dr. Thamm.


Vacina contra o câncer poderá ser testada em humanos

Uma vacina, que já foi testada com sucesso em laboratório para prevenir ou retardar o câncer em cães, deverá ser testada em breve, em humanos.

Os pesquisadores da Universidade Estadual do Arizona e da Universidade Estadual do Colorado estão se preparando para testar uma droga que espera treinar o sistema imunológico para reconhecer e atacar uma parte específica das células cancerígenas.

Eles vão testar a vacina primeiro em 800 cães para avaliar a eficácia.

O primeiro resultado esperado é que exista menos casos de câncer nos cães que recebem a vacina. Isso seria uma grande vitória. Um segundo resultado quase tão valioso é retardar o início do câncer”, disse à CNN o Dr. Doug Thamm, que faz parte da equipe de pesquisadores.

Se tivermos um cão de nove anos de idade que normalmente teria câncer aos 10 e em vez disso, desenvolver o câncer aos 12 anos, são mais dois anos de vida saudável que poderemos oferecer”.

↪️ VÍDEO EM DESTAQUE 

👉VÍDEO - Dra. Elane Alves, ex-assessora da CONACS, reage as declarações de Ilda Angélica. Veja os comentários da categoria, Clique aqui!

Em humanos

“Embora a eficácia tenha sido demonstrada no laboratório, passar imediatamente para um estudo humano muito grande, caro e demorado é um salto difícil de justificar. Testar esta abordagem em cães servirá como a ponte perfeita para estudos em humanos.

Além disso, se for bem sucedido, teremos uma nova ferramenta para a prevenção do câncer em nossos animais de estimação, décadas antes de estar disponível para seres humanos.”

Se a mesma abordagem fosse tentada em humanos, levaria décadas para que as pessoas morressem e os resultados pudessem ser coletados.

Mas para os cães, que devem ter entre seis e 10 anos de idade para se qualificarem para o estudo, os resultados da vacina podem ser coletados em um espaço de tempo muito mais curto.

“Este é um estudo crítico na avaliação desta vacina”, disse o Dr. Thamm.


A Vacina

A vacina, que ainda não foi publicamente nomeada, pretende trabalhar treinando o corpo do cão para atacar epitopos em células tumorais.

Os epítopos são partes de estruturas encontradas do lado de fora dos tipos de células que acionam o sistema imunológico para atacá-los.

O dr. Stephen Johnston, do estado do Arizona, desenvolveu a vacina encontrando dezenas de epítopos que foram encontrados nas células cancerosas de oito das formas mais comuns da doença.

 Leia também

Ao introduzir um seleto 31 desses epitopos nos corpos dos cães sem as células cancerígenas, os cientistas esperam que eles possam treinar o corpo para atacá-los.

Isso significaria que, se um tumor cancerígeno começasse a se desenvolver, o próprio sistema imunológico do corpo começaria a atacá-lo imediatamente, diminuindo o crescimento do câncer ou interrompendo-o completamente.

A coisa mais próxima de uma vacina contra o câncer em humanos são as aplicadas contra HPV e Hepatite B, que bloqueiam os vírus que são conhecidos por causar câncer.


↪️ Agentes de Saúde desenvolvem Método Prático e Pedagógico para auxiliar na Medicação de Pacientes com Dificuldade de Leitura


Para os idosos que não conseguem ler, a equipe desenvolveu um método simples e prático para que os pacientes pudessem fazer uso dos medicamentos sem dificuldades.

O excelente trabalho que o agentes de Saúde vem desenvolvendo em Salto da Divisa, têm melhorado muito a qualidade de vida dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) na cidade. Leia a matéria completa, Clique aqui!


↪️ +VÍDEO EM DESTAQUE 

👉VÍDEO - CONACS: Audiência marca principais pontos da nova articulação em Brasília.  Veja direto no Youtube


👉VÍDEO - URGENTE: Desmascarada as mentiras sobre a Federalização dos agentes de saúde. Veja direto no Youtube
Assista  a um dos 22 vídeos sobre a Federalizaçãoclique aqui!

Fonte:   Com informações do Daily Mail  / Jornal dos Agentes de Saúde do  Brasil.  Publicado em  26/06/2019, às  11h50





https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif


↪️Saque do abono salarial do PIS/PASEP 2018/2019 vai até sexta-feira

PIS/Pasep . Foto: Reprodução


Saque do abono salarial do PIS/PASEP 2018/2019 vai até sexta-feira
Da Redação da Agenda Capital

Os trabalhadores cadastrados no Programa de Integração Social (PIS) têm até sexta-feira (28) para sacar o Abono Salarial do calendário 2018/2019. Os valores vão de R$ 84 até R$ 998, de acordo com a quantidade de dias trabalhados durante o ano-base 2017.

De acordo com a Caixa, os benefícios, que totalizam R$ 16,9 bilhões, foram liberados de forma escalonada para 22,5 milhões de beneficiários, conforme o mês de nascimento, e agora estão disponíveis para os nascidos em qualquer mês. Até maio, o banco pagou R$ 15,6 bilhões a 20,6 milhões trabalhadores.

↪️ VÍDEO EM DESTAQUE 

👉VÍDEO - Dra. Elane Alves, ex-assessora da CONACS, reage as declarações de Ilda Angélica. Veja os comentários da categoria, Clique aqui!

O valor do benefício pode ser consultado no Aplicativo Caixa Trabalhador, no site do banco ou pelo Atendimento Caixa ao Cidadão, pelo telefone: 0800 726 0207.

Pode a sacar o abono o trabalhador inscrito no PIS ou no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) há pelo menos cinco anos e que tenha trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias em 2017 com remuneração mensal média de até dois salários mínimos.


Os titulares de conta individual na Caixa com cadastro atualizado e movimentação na conta, podem ter recebido crédito automático antecipado. Quem possui o Cartão do Cidadão e senha cadastrada pode se dirigir a uma casa lotérica, a um ponto de atendimento Caixa Aqui ou ir aos terminais de autoatendimento da Caixa para receber o abono”, informou o banco..

Segundo a Caixa, caso o beneficiário não tenha o Cartão do Cidadão ou não tenha recebido automaticamente em conta, ele pode retirar o valor em qualquer agência da Caixa, apresentando o documento oficial de identificação.

O trabalhador em empresa pública, com inscrição no Pasep, recebe o pagamento do abono pelo Banco do Brasil.

Da Redação com informações da Ag. Brasil

 Leia também


↪️ Agentes de Saúde desenvolvem Método Prático e Pedagógico para auxiliar na Medicação de Pacientes com Dificuldade de Leitura


Para os idosos que não conseguem ler, a equipe desenvolveu um método simples e prático para que os pacientes pudessem fazer uso dos medicamentos sem dificuldades.

O excelente trabalho que o agentes de Saúde vem desenvolvendo em Salto da Divisa, têm melhorado muito a qualidade de vida dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) na cidade. Leia a matéria completa, Clique aqui!


↪️ +VÍDEO EM DESTAQUE 

👉VÍDEO - CONACS: Audiência marca principais pontos da nova articulação em Brasília.  Veja direto no Youtube


👉VÍDEO - URGENTE: Desmascarada as mentiras sobre a Federalização dos agentes de saúde. Veja direto no Youtube
Assista  a um dos 22 vídeos sobre a Federalizaçãoclique aqui!

Fonte:  Da Redação da Agenda Capital / Jornal dos Agentes de Saúde do  Brasil.  Publicado em  26/06/2019, às  11h23





https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif


terça-feira, 25 de junho de 2019

↪️URGENTE: CNM deixou os Agentes de Saúde do Brasil em pavorosa, após publicar a notícia de julgamento do Reajuste do Piso pelo STF. Confira!

CNM deixa os Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias em pavorosa com notícia sobre tramitação da ADI 6103


URGENTE: CNM deixou os Agentes de Saúde do Brasil em pavorosa, após publicar a notícia de julgamento do Reajuste do Piso pelo STF. Confira!

Hoje pela manhã, nos grupos estaduais filiados à MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde (ACS/ACE), se verificou uma grande inquietação com a notícia de que a ação que aguarda julgamento no Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o piso dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e de Combate às Endemias (ACE) foi pautado para esta semana, precisamente para sexta-feira, 28 de junho. A Ação Direta Inconstitucionalidade (ADI) 6103, foi proposta pela CNM -  Confederação Nacional de Municípios.

Infelizmente, notícia publicada pela CNM realmente é verdadeira. Apesar do fato, coordenação Nacional da MNAS defende que não há motivos para pânico.

No primeiro momento o coordenador geral da MNAS, Samuel Camêlo, desconfiou de que seria uma Fake News (Notícia Falsa), contudo, ao verificar no Portal do STF, identificou que a notícia, infelizmente procede.

O coordenador da MNAS comentou: "Não há motivo para desespero! A CNM buscar meios de derrubar o reajuste do repasse do Fundo Nacional de Saúde, denominado de Piso Nacional, não é algo incomum. Esse e outros meios, que ela venha a usar, faz parte do jogo de poder, imposto pelas instituições que representam os prefeitos e secretários de saúde. Infelizmente, o modelo de municipalização, adotado em 2006, conforme a previsão da Lei 11.350/2006, nos possibilita esses "frutos amargos." Se a Federalização, que foi debatida pelas lideranças da categoria, ainda no ano 2000, tivesse sido adotada, sem dúvida alguma, a categoria (ACS/ACE) não estaria refém dos 5.570 prefeitos e seus secretários de saúde. O modelo adotado deixou 67% de todos os agentes sem a garantia de direitos fundamentais, inclusive, sem estabilidade nos cargos.  Apesar desse contexto sinistro, não acredito que a CNM possa prosperar nessa ação perversa. Precisamos ficar tranquilos, focar em nossas pautas, que é tirar a todos os ACS/ACE das correntes desses prefeitos, por meio da Federalização. Sabemos que muitas lideranças lutam contra essa proposta, inclusive, criando notícias falsas e plantando o terrorismo, alegando que as duas categorias podem ser extintas. Falam como se os ACS/ACE não tivessem utilidade alguma. Na verdade, essas lideranças apenas buscam garantir os seus privilégios e status, não estão preocupados com a coletividade.

É importante destacar que há muitas lideranças envolvidas na luta pela federalização, são pessoas que não colocam os seus egos acima da categoria, antes estão dispostas a lutar pelo melhor para os seus representados.
A Federalização permite que todos os agentes (ACS/ACE) se tornem servidores públicos federais com todos os direitos conquistados garantidos, além da grande vantagem de receber todos os seus rendimentos direto em suas contas. Hoje, é depositado na conta da prefeitura, uma parte é desviada e a outra repassada à categoria. Verdade seja dita: o futuro da categoria está em suas mãos," comentou Samuel Camêlo.

NOTÍCIA NA ÍNTEGRA:

Julgamento do piso dos ACS e ACE está na pauta do STF desta sexta-feira
Por: Amanda Maia/ Da Agência CNM de Notícias.

Foto: Rosinei Coutinho/ST/Divulgação

Ação que aguarda julgamento no Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o piso dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e de Combate às Endemias (ACE) foi pautado para esta semana. Está na agenda da sessão virtual de sexta-feira, 28 de junho, a Ação Direta Inconstitucionalidade (ADI) 6103, cuja requerente é a Confederação Nacional de Municípios (CNM). O relator é o ministro Alexandre de Moraes.

Além do impacto financeiro de mais de R$ 4,8 bilhões para os cofres municipais até 2021, a entidade lembra que o piso salarial nacional da categoria desconsidera as diferenças regionais do país e pode promover um efeito cascata para os demais servidores municipais. Aprovado pelo Congresso Nacional no segundo semestre do ano passado, ele passou a vigorar em janeiro de 2019 por meio da Lei 13.708/2018, com aumento de 52,86%.

↪️ VÍDEO EM DESTAQUE 

👉VÍDEO - Dra. Elane Alves, ex-assessora da CONACS, reage as declarações de Ilda Angélica. A categoria também questiona o posicionamento da presidente da CONACS. Veja os comentários, Clique aqui!

Pelo peso nas contas públicas, a CNM alerta que há o risco de prejuízo ao atendimento à população, à expansão e à qualificação da Rede de Atenção à Saúde (RAS). Outra tendência confirmada pelos gestores locais é uma significativa redução do número de agentes por Equipe da Saúde Básica (ESF). Isso porque eles já relatam que buscarão mecanismos para reduzir o quadro e evitar ultrapassar o limite de despesas com pessoal determinado pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).


As medidas, portanto, desrespeitam a autonomia municipal, desconsideram as realidades locais, violam dispositivos constitucionais que reservam ao Presidente da República a prerrogativa de “criar cargos, funções ou empregos públicos na administração direta e autárquica ou aumento de sua remuneração”, e criam despesa obrigatória sem nenhuma estimativa de impacto ou previsão orçamentária. Por isso, o pedido da CNM pelo reconhecimento da inconstitucionalidade.

Apesar de o ministro Alexandre de Moraes, em maio deste ano, ter julgado extinto o processo, a CNM peticionou um Agravo Regimental pedindo a reconsideração da decisão de forma a reconhecer a legitimidade ativa da CNM na matéria. Com isso, foi garantido o julgamento, agendado para esta semana.

 Leia também


↪️ +VÍDEO EM DESTAQUE 

👉VÍDEO - URGENTE: Desmascarada as mentiras sobre a Federalização. Veja direto no Youtube
Assista  a um dos 22 vídeos sobre a Federalizaçãoclique aqui!


👉VÍDEO - CONACS: Audiência marca principais pontos da nova articulação em Brasília.  Veja direto no Youtube

Fonte Jornal dos Agentes de Saúde do  Brasil.  Publicado em  25/06/2019, às  16h25





https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif


↪️Cães terapeutas fazem menino autista voltar a conversar

Raylon Lomeu, um dos 12 pacientes atendidos pelos Bichos Terapeutas, começou a falar após participar do projeto.  Foto: Paula Resende/ G1


Cães terapeutas fazem menino autista voltar a conversar
Cães terapeutas estão fazendo a diferença em Morrinhos, Goiás.

Os cães Nino, Thor e Tacha participam de sessões de fonoaudiologia, fisioterapia, terapia ocupacional e psicologia na rede pública.

Os cachorros ajudam crianças e adultos durante sessões de fonoaudiologia, fisioterapia, terapia ocupacional e psicologia realizadas na rede pública, em Morrinhos, na região sul de Goiás.

“Com a presença do cão, a gente consegue que ele se comunique, fale com a gente, dê respostas, faça perguntas, coisas que não fazia. A criança fica mais espontânea, à vontade. Foi um resultado incrível”, afirma a fonoaudióloga Meiriely Duarte Silveira, responsável pelo tratamento.

Pai de Raylon, José Ricardo Dias Lomeu espera uma evolução constante do filho.

Eu me sinto confiante que ele vai melhorar sempre. Cada dia uma coisa que ele faz é uma conquista para nós. Espero que seja independente, consiga se defender”, disse.

↪️ VÍDEO EM DESTAQUE 

👉VÍDEO - Dra. Elane Alves, ex-assessora da CONACS, reage as declarações de Ilda Angélica. A categoria também questiona o posicionamento da presidente da CONACS. Veja os comentários, Clique aqui!

Professora do curso de zootecnia do Instituto Federal Goiano, Aline Camargos criou o projeto em 2014 e, desde então, 30 pessoas já foram atendidas pelos bichos — uma maritaca também compõe o time. Atualmente, 12 pacientes fazem terapia com os animais, uma vez por semana.

O tratamento dura, no mínimo, seis meses.

Os resultados surpreendem alunos e professores que desenvolvem o projeto.


Os animais entram acelerando o processo de ganho de saúde. Me sinto realizada de ver o ganho dos pacientes e, não só dos pacientes, percebo que os alunos que eu trago evoluem muito como cidadãos. A gente percebe que o aluno que está ajudando é alguém que também precisava de ajuda”, destaca Aline.

Seleção dos cãoterapeutas

Para participar do projeto, os animais precisam ser aprovados, inicialmente, pelo veterinário Flávio Barros Costa.

Os calendários vacinal e preventivo, tanto de verminose quanto de ectoparasita, têm de estar atualizados para que, entrando em contato com os pacientes, os cães não levem nenhuma zoonose ou doença. É um acompanhamento ininterrupto”, afirma.

Além dos testes de sanidade, os bichos também passam por avaliações comportamentais.

A partir do resultado do hectograma, a gente vai entender o quanto o cão gosta do contato com o ser humano, o quanto é receptivo a outras técnicas, o aprendizado de truques e adestramento”, explica a coordenadora do projeto.

Equipe do Bichoterapeutas Foto: Paula Resende/G1

Aline ressalta que, para os animais atenderem bem, é necessário que eles estejam bem.

O bem-estar desses animais que atuam como co-terapeutas é bem importante para a gente. Eles só podem participar de três sessões de 30 minutos por dia. A gente não pode ultrapassar esse limite porque o animal cansa e, quando está cansado, estressado, ele começa a ter outras reações que diferem do comportamento natural deles”, explica.

“A gente tem a segurança que os cães estão gostando dos atendimentos”, completa a professora.

 Leia também

↪️ +VÍDEO EM DESTAQUE 

👉VÍDEO - CONACS: Audiência marca principais pontos da nova articulação em Brasília.  Veja direto no Youtube


↪️ Agentes de Saúde desenvolvem Método Prático e Pedagógico para auxiliar na Medicação de Pacientes com Dificuldade de Leitura


Para os idosos que não conseguem ler, a equipe desenvolveu um método simples e prático para que os pacientes pudessem fazer uso dos medicamentos sem dificuldades.

O excelente trabalho que o agentes de Saúde vem desenvolvendo em Salto da Divisa, têm melhorado muito a qualidade de vida dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) na cidade. Leia a matéria completa, Clique aqui!




↪️O Agente Comunitário de Saúde não é Agente de Doenças

Muitos confundem a função do Agente Comunitário de Saúde com agentes de doenças

Muitos confundem a função do Agente Comunitário de Saúde com agentes de doenças, mas na verdade, este profissional antes de tudo, desempenha um papel de mediador entre os saberes técnicos e populares, entre equipe de saúde e comunidade. Ao mesmo tempo em que faz parte da equipe de saúde, também faz parte da comunidade, ao mesmo tempo em que seu exercício é para comunidade, é também da comunidade, ao mesmo tempo em que se alimenta de saberes técnico-científicos, também está embebido da cultura local de saúde. Uma das potencialidades inerentes ao trabalho do ACS está na possibilidade de superação da dicotomia existente entre os saberes técnicos e os saberes da população, em direção à construção de discursos que promovam compreensões e vivências ampliadas do conceito de saúde. Dessa forma, ele se destaca como agenciador de ações e práticas emancipadoras em saúde. Continue lendo, Clique aqui!


↪️ +VÍDEO EM DESTAQUE 

👉VÍDEO - URGENTE: Desmascarada as mentiras sobre a Federalização. Veja direto no Youtube
Assista  a um dos 22 vídeos sobre a Federalizaçãoclique aqui!

FonteCom informações do G1 / Jornal dos Agentes de Saúde do  Brasil.  Publicado em  25/06/2019, às  10h30





https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif