quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Aprovação do PLC 56: Várias instituições participam das articulações para garantir a aprovação

Associação dos Agentes de Combate às Endemias de Salvador – Aaces 

Depois de muita luta e articulações de diversas instituições representante dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias, finalmente, depois de mais de 20 anos de luta, foi aprovado ontem (13), no plenário do Senado Federal, o PLC 56/2017, que regulamenta a atuação das duas categorias.  

A CONACS - Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde, sem dúvida alguma é a principal das articuladoras dos dois principais projetos voltados aos agentes, que é o PLC 56/2017 e a PEC 22/2011, este último trata do Reajuste do Piso Nacional, contudo, a Confederação não está sozinha. Além dos sindicatos, associações etc., que integra essas articulações, a MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde, organização formada por uma Rede de Voluntários, tem se destacado pelo seu extraordinário potencial nas Redes Sociais. Foi a MNAS que, em 07 de abril de 2013 — no Dia Mundial da Saúde fez a Primeira Grande Mobilização da Saúde. Para se ter ideia do que ocorreu nesse dia de mobilização nacional, em uma única publicação realizada em um dos veículos de comunicação da MNAS, foi registrado mais de 1.480.000 (um milhão, quatrocentos e oitenta mil) acessos. Decorrido esses quatro anos, a MNAS ampliou as suas ferramentas e agora, em face da solicitação de ajuda da presidente da CONACS, Ilda Angélica, a Mobilização tem investido de forma ampliada no uso das Redes Sociais, o que fortalece significativamente a "luta no campo de batalha."

Francisco Vilela, presidente do SINACS-RJ e coordenador da MNAS Sudeste, ao lado de Ilda Angélica, presidente da CONACS

A Mobilização em Brasília em Defesa do Reajuste do Piso Nacional dos ACS/ACE teve o fortalecimento da luta com a participação das instituições organizadas, além da própria categoria de forma individual. 

Retomando a situação do PLC 56/2017, ele volta agora à Câmara dos Deputados para apreciação final, pois houve mudanças no projeto original, e depois para a sanção presidencial.

Agradecimentos da CONACS aos apoiadores que estiveram mobilizados pela aprovação do Projeto

Foi sugerido também que futuramente a lei passe a ser chamada de ” lei Ruth Brilhante “. A ideia é homenagear uma das fundadoras da Conacs e agente de saúde já falecida em um acidente de carro recentemente, em reconhecimento à sua luta pela categoria.

Na foto, o presidente Jailson (centro) e, da esquerda para direita, os companheiros Lauriano, João Paulo de Souza, João Paulo Lemos, Valmir Aparecido e Zezito Roza.

Uma comissão de diretores do SINDICOMUNITÁRIO-SP, liderada pelo nosso presidente, companheiro Jailson, participou da luta em Brasília (DF) para cumprir uma intensa agenda ao lado de outras lideranças de ACS e ACE de várias partes do Brasil.


Jailson, inicia a apresentação da diretoria do sindicato na audiência com o ministro da Saúde, Ricardo Barros, no auditório do Ministério da Saúde.

O Pesadelo da Nova PNAB
O presidente do Sindicomunitário-SP, José Jailson reuniu-se com toda diretoria executiva e assessores jurídicos no início do mês (01/09) para discutir estratégias junto a outras entidades que representam a categoria no intuito de reverter essa decisão. “Vamos entrar com tudo nessa briga! Vamos reunir um grande contingente de lideranças dos ACS e ACE e, se for preciso, entraremos todos com ações na Justiça contra essa arbitrariedade e irresponsabilidade do Ministério da Saúde”, ressaltou Jailson.

Autorizada a reprodução dessa matéria desde que as fontes indicadas abaixo sejam citadas.

Fonte Agência Senado/ Publicado no Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil, em 14/09/17, às 19h32.  






https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif


Campanha Nacional pela Aprovação do PLC 56/17

Bem-vindo ao Canal Especial pela Aprovação do  PLC 56/2017  antigo  PL 6437/16 Acompanhe as novidades sobre o PLC 56/17 20/09/ 20...