terça-feira, 15 de agosto de 2017

Diretores do SINDICOMUNITÁRIO-SP protocolaram ofício à Senadora Marta Suplicy em apoio ao PLC 56/2017

Os companheiros Jailson, Marta Sanches, João Paulo e Valmir durante reunião com a Dra. Isabela Muniz, assessora de Marta Suplicy.

Na manhã de hoje, 15/08, por volta das 11h30, o presidente do SINDICOMUNITÁRIO-SP, companheiro Jailson, acompanhado dos diretores Roberto Prebill, Valmir Aparecido, Marta Sanches e João Paulo, estiveram no gabinete da senadora Marta Suplicy (PMDB-SP), em São Paulo, onde se reuniram com sua assessora especial, Isabela Muniz.

Presidente do CNS manifesta apoio aos Agentes de Saúde do Brasil


Ofício (página 1) entregue e protocolado no gabinete da senadora Marta Suplicy.

Ofício (página 2) entregue e protocolado no gabinete da senadora Marta Suplicy.

O objetivo do encontro foi entregar e protocolar um ofício (nº 246/2017) para a parlamentar, onde o SINDICOMUNITÁRIO-SP pede o apoio da senadora, que é relatora do PLC (Projeto de Lei da Câmara) nº 56/2017, para que aprove na íntegra o texto original do projeto. “Defendemos que o texto original que está em discussão e votação na Casa Legislativa dos Senadores atende perfeitamente as necessidades e os anseios dos trabalhadores, que merecem ser valorizados pelos serviços de extrema importância que realizam na prevenção e promoção da saúde junto à sociedade”, diz trecho do documento.

 A  assessora Isabela Muniz e direção do SINDICOMUNITÁRIO-SP 

Esse PLC altera a Lei nº 11.350/06 para dispor sobre a reformulação das atribuições, a jornada e as condições de trabalho, o grau de formação profissional, os cursos de formação técnica e continuada e a indenização de transporte dos profissionais Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias.



Da esq. p/ dir.: João Paulo, Valmir Aparecido Silveira, José Jailson da Silva, Dra. Isabela Muniz, Roberto Prebill e Marta Sanches.

Os ACS de São Paulo têm papel fundamental nessa mobilização pela aprovação integral do PLC 56/17 e vêm atender aos apelos da categoria em todo o Brasil, uma vez que a relatora da proposição no Senado é de São Paulo.

Nossa categoria também é representada, em todo o País, pela CONACS (Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde), FENAAC (Federação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde, de Combate às Endemias, de Proteção Social, Promoção Ambiental e Acompanhantes Comunitários de Saúde do Brasil) e MNAS (Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde) entidades que estão contando com nosso apoio e não podemos fugir dessa luta.

Brasília

Após a reunião de hoje com a assessora Isabela Muniz, o SINDICOMUNITÁRIO-SP conseguiu agendar um encontro pessoalmente com a senadora Marta Suplicy em Brasília.
Uma delegação de diretores do nosso sindicato estará amanhã (16/08) na Capital Federal para acompanhar a votação do relatório sobre a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) nº 22/2011, de autoria do deputado Valtenir Pereira (PSB-MT), que fixa regras para a remuneração dos agentes comunitários de saúde e dos agentes de combate às endemias de todo o País. Pela proposta, o vencimento desses agentes não será inferior a dois salários mínimos, mais o adicional de insalubridade.

O encontro entre a senadora Marta Suplicy e diretores do SINDICOMUNITÁRIO-SP está marcado para após a votação da PEC 22/11.

Por isso, fiquem atentos! Não deixem de acompanhar nossas postagens em nossa página no Facebook (www.facebook.com/sindicomunitarios), quando estaremos informando, em tempo real, o andamento da votação e o encontro com a senadora!

Texto e fotos de Erick Vizoki/Sindicomunitário-SP

Autorizada a reprodução dessa matéria desde que as fontes indicadas abaixo sejam citadas.

FonteAssessoria de Comunicação do Sindicomunitário-SP / Publicado no Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil em 15/08/17, às 19h32.   







https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif


Campanha Nacional pela Aprovação do PLC 56/17

Bem-vindo ao Canal Especial pela Aprovação do  PLC 56/2017  antigo  PL 6437/16 Acompanhe as novidades sobre o PLC 56/17 20/09/ 20...