quinta-feira, 9 de março de 2017

Coordenador da MNAS Nordeste encaminha reivindicação de equiparação salarial

O Coordenador da MNAS Nordeste, Fabiano Rodrigues, encaminhou reivindicação à Câmara, em favor dos Agentes de Combate às Endemias 

O Coordenador da Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde Nordeste (MNAS Nordeste), Fabiano Rodrigues, encaminhou uma indicação parlamentar à Câmara Municipal de Nova Viçosa (BA) para que a Remuneração dos Agentes de Combate às Endemias sejam conforme determina o Piso Nacional vigente, que é de R$ 1.014,00 (mil e quatorze reais) e 20% de insalubridade calculada em cima do piso.


Documento encaminhado à Câmara de Nova Viçosa

O coordenador, que também é vereador de Nova Viçosa, eleito no último pleito eleitoral, justificou no documento que as categorias de Agentes Comunitários de Saúde e de Agentes de Combate às Endemias tem um Piso Salarial Nacional e que o citado município já o pratica. Apesar do fato, após a posse dos endemias, em janeiro do corrente ano, houve alterações nos proventos de alguns servidores, não conforme o que determina a Lei Federal nº 12.994/14. Afirmou ainda sobre a necessidade de reconhecer que o trabalho do profissional de combate às endemias do município tem sido de grande competência, junto à Secretaria Municipal de Saúde, contribuído no combate à Dengue, Febre Chikungunya e Zica Vírus.


Fortalecimento da luta da categoria na Bahia
O coordenador Fabiano Rodrigues tem fortalecido amplamente a luta da categoria dos Agentes de Saúde (ACS/ACE), não apenas em Nova Viçosa, ele tem buscado apoio para que possa beneficiar com o fortalecimento da categoria em todos os 417 municípios baianos. Nesse momento é muito importante que as associações, sindicatos, federações e demais entidades interessadas em ampliar o potencial dos ACS/ACE para garantir os direitos já conquistas, todavia, não garantidos formalmente a esses trabalhadores que postulam do direito. 

Segundo documento encaminhado à Câmara de Nova Viçosa

“É fundamental que a categoria esteja unida e engajada nessa luta, se esforçando para que os objetivos realmente sejam alcançados. Não podemos nos dá ao “luxo” de permitir que interesses divergentes possam atrapalhar essa articulação em prol do fortalecimento da categoria, quer na Bahia ou qualquer outro estado brasileiro! Hoje temos um gigantesco potencial humano, contudo, é preciso direcioná-lo para transformar oportunidades em resultados que venham a beneficiar a coletividade, comentou Samuel Camêlo – Coordenador Nacional da MNAS.

Documento encaminhado à Câmara de Nova Viçosa em Favor do SINDACESB

O trabalho desenvolvido pelo Fabiano representa um modelo diferenciado de múltiplas gestões. Além de atuar como parlamentar, ser coordenador da Mobilização Nacional, tem em sua bagagem experiências distintas da maioria dos trabalhadores da saúde, ele agrega valores que são revelados com sua visão da importância de oferecer serviços em saúde de qualidade à população atendida pelo Sistema único de Saúde – SUS.

É exatamente a qualidade dos serviços prestados pelos trabalhadores que arroja a valorização profissional, tão ambicionada por estes.

Fontewww.agentesdesaude.com.br Jornal os Agentes de Saúde do Brasil. Publicado em 09/03/17, às 15h47.



Deixe o seu comentário no espaço abaixo!

https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif


Agentes Comunitários de Saúde de Caruaru aprovam novo valor de PMAQ

Agentes Comunitários e de Combate às Endemias lotam a Câmara de Caruaru para garantir novo valor do PMAQ Ontem, quinta-feira (26), os ...