quinta-feira, 24 de março de 2016

Vereadores aprovam vínculo efetivo dos Agentes Comunitários de Saúde

 Agentes Comunitários de Saúde festejam efetivação

Câmara Municipal de Itagau/RJ - Os vereadores aprovaram, por unanimidade, na sessão da última terça-feira (22/03), com dispensa de interstício, a Lei 3.404 que cria o cargo público efetivo dos Agentes Comunitários de Saúde. O texto agora segue para a sanção do prefeito. A tão esperada aprovação foi muito comemorada e aplaudida pela categoria que lotou o plenário.

Pelo o texto, de autoria do poder Executivo, os ocupantes do cargo serão nomeados mediante processo seletivo e provas de títulos, que devem respeitar os princípio da administração pública.

O projeto define uma jornada de trabalho de 8 horas diárias e 40 semanais. O vencimento será de R$ 1.014,00 na forma de atender ao piso nacional da categoria. O quantitativo contempla 117 vagas de ACS.

Tá efetivado, tá tranquilo...

Polêmica sobre o projeto
Antes da votação da matéria, alguns vereadores justificaram ausência à sessão de quinta-feira (17/03), quando o projeto que trata da efetivação dos ACS’s entrou na ordem do dia, mas não foi apreciado devido à falta de quórum.

O primeiro parlamentar a discursar foi o vereador Willian Cezar (Sem Partido):

—Minha ausência na sessão passada, foi por conta do partido, quando precisei ir a capital para minha desfiliação. Não faltei para não votar o projeto. Jamais votaria contra qualquer servidor — assegurou.

Leia outras publicações:
Emenda 24 a MP 712/2016 prevê reajuste do Piso Salarial dos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Governadores anunciam parcerias para combater o mosquito
14º: Agentes de saúde de Pacatuba cobram na Assembleia volta de incentivo
TCE anula efetivação de agentes de saúde de Cuiabá
Incentivo Adicional (14º): Agentes de Saúde de Pacatuba mantém greve
Prefeitura de Aquiraz/CE cria gratificação extra para os Agentes de Saúde 
SINDAS/RN na luta para garantir o 14º aos Agentes de Saúde de Riachuelo-RN e São Tomé-RN
 Agentes de saúde receberão bônus de R$ 200 a para combater aedes aegypti
Agentes de saúde receberão bonificação para intensificar combate ao mosquito da dengue
O que os Gestores não Querem que os Agentes de Saúde Saibam...
Pesquisa realizada pela MNAS: Prefeitura que PAGARAM o Incentivo Adicional (14º)
Após críticas da MNAS, mais um município pagou o 14º Salário (Incentivo Adicional)
Agentes de Itapajéalém do 14º, têm garantido um incentivo mensal de 50%...
Prefeitura de Guaraciaba do Norte garante o pagamento do 14º dos Agentes Comunitários

O vereador Genildo Gandra (PDT), alegou problemas particulares e lamentou ter circulado na internet, que teria ligado para alguns colegas para não irem à sessão passada.

— Isso não é verdadeiro. Não liguei para nenhum vereador para não vir na quinta-feira — indignou-se o vereador: — Jamais votei contra o funcionalismo, contra o trabalhador. A minha história não tem essas marcas. E aqui me coloco para dizer qual vereador liguei para não vir a sessão— completou.

A vereadora Miriam Pacheco (Solidariedade), por sua vez, disse que a ausência se deu para buscar o filho no Rio de Janeiro.

— Recebi uma ligação do meu filho, que estuda em Campos. Ele veio de carona com um amigo, a qual ficou na Avenida Brasil. Fiz alguns contatos e sem sucesso, tive que ir buscá-lo. Nenhuma mãe deixaria o filho, em plena Avenida Brasil, com a violência que tem hoje — declarou a parlamentar.
Fonte: www.camaraitaguai.rj.gov.br






https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif