segunda-feira, 14 de março de 2016

Governadores anunciam parcerias para combater o mosquito

Em Padre Bernardo, Marconi e Rollemberg acompanham ação de agentes de saúde contra o Aedes aegypti

Escritório de Goiás no DF vai sediar grupo da força-tarefa - Os governadores de Goiás, Marconi Perillo, e do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg, acompanharam, na manhã deste sábado (12/03), no distrito de Vendinha, município de Padre Bernardo (Entorno do DF), a ação dos agentes de saúde e do corpo de Bombeiros do DF e de Goiás no combate aos focos do mosquito Aedes aegypti. O distrito é um dos lugares apontados pelo levantamento da Secretaria de Saúde de Goiás com alto índice de infestação.

Os governadores também discutiram a viabilização de ações conjuntas com intuito de reduzir a quantidade de criadouros do mosquito nos municípios do Entorno do DF, como forma de minimizar a quantidade de casos de Dengue, Chikungunya e Zika na região.

Marconi e Rollemberg foram bem recebidos nas residências visitadas e chegaram a tomar café em uma delas. Acertaram a criação de uma equipe que vai coordenar os trabalhos, com sede no escritório de representação de Goiás em Brasília e também a intensificação da força-tarefa da Patrulha do Desenvolvimento do Governo de Goiás nos municípios do Entorno. A patrulha utiliza maquinários (caminhões, escavadeiras e pás carregadeiras), e atua para eliminar focos do mosquito em locais com altos índices de infestação.

Leia outras publicações:
14º: Agentes de saúde de Pacatuba cobram na Assembleia volta de incentivo
TCE anula efetivação de agentes de saúde de Cuiabá
Incentivo Adicional (14º): Agentes de Saúde de Pacatuba mantém greve
Prefeitura de Aquiraz/CE cria gratificação extra para os Agentes de Saúde 
SINDAS/RN na luta para garantir o 14º aos Agentes de Saúde de Riachuelo-RN e São Tomé-RN
 Agentes de saúde receberão bônus de R$ 200 a para combater aedes aegypti
Agentes de saúde receberão bonificação para intensificar combate ao mosquito da dengue
O que os Gestores não Querem que os Agentes de Saúde Saibam...
Pesquisa realizada pela MNAS: Prefeitura que PAGARAM o Incentivo Adicional (14º)
Após críticas da MNAS, mais um município pagou o 14º Salário (Incentivo Adicional)
Agentes de Itapajéalém do 14º, têm garantido um incentivo mensal de 50%...
Prefeitura de Guaraciaba do Norte garante o pagamento do 14º dos Agentes Comunitários

Em janeiro, os membros da nossa força-tarefa visitaram 1,3 milhão de residências em Goiás atrás de focos do Aedes. Em fevereiro, foram 1,6 milhão de imóveis e, em março, devemos repetir a mesma quantidade. De acordo com dados da força-tarefa, foram eliminamos 60 mil criadouros no Estado.

Considerando que cada criadouro tem potencial para originar mil mosquitos, foi impedido o nascimento de 60 milhões de mosquitos Aedes em Goiás. Com isso, explicou Marconi, a quantidade de municípios com índice de infestação maior do que 4% das residências caiu de 106 para apenas 16 cidades.

Parceria – Rollemberg explicou que o governo do DF vai ajudar no combate ao mosquito na região, destinando 20 caminhões, duas pás mecânicas e 25 aparelhos de fumacê para trabalhar no combate ao mosquito e aos criadouros. “Estamos trabalhando de maneira integrada e esta integração será fundamental”, sublinhou.

Ele anunciou também a edição de um edital que destinará R$ 6 milhões para o desenvolvimento de pesquisas acadêmicas na área. “Pretendemos conhecer melhor o ciclo do mosquito e desenvolver vacinas”, explicou.

Demandas – Dezenas de populares acompanharam as visitas dos governadores. Fizeram reivindicações verbais e formais, por meio de ofícios. Moradora do distrito de Vendinha, Alessandra Cardoso reclamou para o governador sobre a cor da água que, segundo ela, está turva, devido à obra que a Saneago executa no distrito. Imediatamente, Marconi telefonou para o diretor da Saneago responsável pela região e colocou a moradora para explicar o problema.

Falei com o diretor e ele me garantiu que até o fim do mês, no mais tardar no início de abril a obra estará concluída e a água voltará à normalidade”, contou a moradora. Mesma reivindicação a dona Edilene Lopes fez ao governador, que falou do prazo para solução do problema.

Ao final da visita, Marconi afirmou que o Governo de Goiás vai assumir os hospitais municipais de Águas Lindas e de Santo Antônio do Descoberto para garantir saúde de qualidade à população do entorno do Distrito Federal. Fonte: www.canalgama.com.br







https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif