quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

MNAS declara que o MS prejudicou o Brasil ao diminuir o número de ACE's

MNAS: Portaria do Ministério da Saúde prejudicou seriamente os brasileiros

A Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS defende que o Ministério da Saúde prejudicou seriamente os brasileiros quando editou a Portaria 1.025 que limitou o número de Agentes de Combate às Endemias (ACE's) nas cidades brasileiras.
Com a notícia de que o Ministro da Saúde, Marcelo Castro, informou nesta quarta-feira (16) que irá rever a citada Portaria, o governo reconhece que cometeu um erro gravíssimo.

O ministro foi obrigado pelas circunstâncias a reconhecer, depois dos prejuízos ocorrido com a proliferação do Aedes Aegypti, que a  portaria, publicada em julho, causou sérios danos à população. Ela define o número máximo de agentes a ser contratados pelos prefeitos com recursos da União e, conforme denúncias feitas pelo Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil, provocou a demissão de muitos trabalhadores. Tal fato não ocorreu apenas com os endemias, os agentes comunitários de saúde também foram prejudicados com cancelamento de seus contratos de trabalho em diversos municípios.

Veja também:
Portaria 2031/15: Garante 14º aos Agentes de Combate às Endemias
Agentes de saúde e de endemias de Fortalez aaprovam estado de greve
Secretaria de saúde defende Agentes Comunitários após ataques de pessoas ligadas ao PT
Goiânia: Justiça determina o retorno de agente de saúde exonerado ilegalmente pelo prefeito do PT 
Prefeitura de Camocim/CE entrega motos para os Agentes Comunitários de Saúde
Prefeitura de Guamaré entrega Tablets aos Agentes de Saúde
Proposta dá adicional de insalubridade a agentes. Minha Casa Minha Vida está na pauta
O que fazer para garantir que o gestor municipal repasse o incentivo adicional (14º) s ACS?
Camocim/CE anuncia "Piso Nacional" e doação de motos aos Agentes Comunitários de Saúde
Sobral/CE: Vereador Fredim afirma que estão desviando dinheiro dos Agentes de Saúde  
Vídeo: Coordenador da MNAS fala ao Canal Saúde/Fiocruz sobre o descontentamento

Os Agentes de Endemias estão entre os responsáveis pelo combate ao mosquito Aedes aegypti, vetor do vírus da dengue, da febre chikungunya e do zika. O trabalho deles também é preventivo à microcefalia.

O Governo Federal é responsável direto pelo aumento do número de casos de microcefalia no Brasil.

Depois da epidemia de microcefalia - O ministro Castro disse que que busca diálogo com o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde para trocar a portaria por outra que possa permitir a ampliação da contratação de ACE's, independentemente do número máximo pago pela União.
"Não podemos esquecer que a portaria atual proíbe a contratação de agentes, além do número estabelecido pelo Ministério da Saúde," declarou Samuel Camêlo, coordenador nacional da MNAS.








Deixe o seu comentário no espaço abaixo!



https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif


O seu Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil agradece pelos 7.000.000 de consultas

Em 2013, quando uma postagem do Jornal, versão Facebook, atingiu 1.480.000 (um milhão, quatrocentos e oitenta mil) acessos ficou evidente...