segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Saúde combate dengue com número de agentes abaixo do recomendado

 http://s2.glbimg.com/rYnth22SPICjHgkWE9HEmsjtqNg=/300x225/s.glbimg.com/jo/g1/f/original/2013/11/20/dengue_1.jpg
Ministério da Saúde recomenda 300 agentes; Campinas terá 160 até janeiro.
Secretário acredita que ações com empresas e secretarias será suficiente.

Veja também:

Presidenta Dilma explica cada veto nos textos da Lei nº 12.994/14  (Repasse Nacional dos Agentes de Saúde) 
Mobilização Nacional em prol do pagamento do "Piso Nacional" dos Agentes de Saúde 
Justiça manda suspender a efetivação de agentes de saúde 
Agentes de saúde foram pauta na 6ª Reunião Ordinária da Comissão Intergestores Tripartite (CIT) Mobilização Nacional em prol do pagamento do "Piso Nacional" dos Agentes de Saúde

MNAS
 
Por falta de verba, o combate à dengue para evitar que uma nova epidemia atinja Campinas (SP) em 2015 terá metade do número de agentes recomendado pelo Ministério da Saúde, que prevê 300 profissionais para o porte da cidade. Segundo o secretário de Saúde, Cármino de Souza, o município conta com uma equipe de 130 pessoas para enfrentar a doença e deverá contar com mais 30 até janeiro. "Acho difícil chegar a 300 porque não tem só a dengue. Há um limite na folha de pagamento", afirma Souza.
No entanto, o trabalho para reduzir os casos já começou a ser feito com uma estrutura superior a de 2013, que considera a contratação de companhias e envolvimento de secretarias, segundo o secretário. Duas empresas foram contratadas com cerca de 60 pessoas para fazer serviços de selagem de caixa d'água, nebulização e remoção de entulho, para reduzir os focos do mosquito Aedes aegypti. Desde janeiro foram 41.213 mil casos de dengue e 10 mortes na cidade. É o pior número da história.

Prazo
Na semana passada, o Ministério Público (MP) enviou uma série de recomendações para a Prefeitura de Campinas (SP) tentar evitar uma nova epidemia de dengue na cidade. No documento, a promotora Cristiane Corrêa de Souza Hillal pede "rigor", dá o prazo de 60 dias para a administração municipal comprovar que tomou as medidas sugeridas, e ainda faz um alerta ao prefeito Jonas Donizette (PSB) em caso de "omissão" na execução das medidas preventivas.

A Prefeitura confirmou no dia 21 de novembro que o documento do MP
já foi encaminhado ao Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa). Além disso, frisou que as recomendações já são atendidas pelo município.

Agentes

Os agentes de controle ambiental são responsáveis pelos cuidados com todas as doenças vetoriais, como leptospirose e febre maculosa, e orientam a população. Este ano há ainda uma expectativa por causa do vírus chikungunya, também transmitido pelo mosquito da dengue, mas não há casos confirmados no estado de São Paulo.

Segundo o secretário, a equipe voltada para a dengue precisou ser recomposta por causa do desfalque causado pelo cancelamento dos contratos com o Hospital Cândido Ferreira. "Em 2013, esse processo levou tempo porque novas pessoas tiveram que ser contratadas, treinadas e equipadas. Os equipamentos demoraram para chegar. Não tinha a organização desse ano", afirma.

 Secretarias complementam
A organização para o combate à dengue conta em 2014 com um trabalho intersetorial, que o secretário acredita ser suficiente, aliado às empresas contratadas e os agentes, para enfrentar a doença. Atuam juntas as secretarias de Saúde, Serviços Públicos, Educação, Verde e Meio Ambiente e Recursos Humanos, além da Defesa Civil, Sanasa e a Superintendência de Controle de Endemias (Sucen).

"Temos que ter uma estratégia para usar os meios que a gente tem. Não vai comprometer porque as empresas contratadas serão ampliadas em 25% no contrato", diz Souza.

Casos pós estiagem
Em outubro deste ano, 17 casos de dengue foram confirmados na cidade e em novembro ainda não houve ocorrências de dengue. "Ainda é cedo para dizer que não teremos epidema. estamos trabalhando para ter um 2015 mais 'sereno' do que foi 2014", afirma o secretário.

  Fale Conosco!Twitter Facebook LinkEdin Youtube Gtalk: samuelcamel@gmail.com Skype: samuelcamelo     







Deixe o seu comentário no espaço abaixo!

Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)  
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com  
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs  
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude   
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude   
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum   
Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil e MNAS: www.agentesdesaude.com.br
Fonte: Do G1 Campinas e Região