sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Saúde muda regime de servidores celetistas

 
Governador Agnelo Queiroz sancionou a lei que muda a forma de contratação dos servidores da Secretaria de Saúde - Foto: HMENON OLIVEIRA/GDF

Cerca de 1,5 mil servidores da tabela de empregos comunitários da Secretaria de Saúde foram beneficiados, ontem com a sanção da lei que muda a forma de contratação, de Consolidação das Leis Trabalhistas para o estatutário, procedimento que permite a criação de uma gratificação por títulos e reajuste salarial.

“É uma luta longa, de vários anos, que muitos achavam que era impossível. A saúde é a prioridade do nosso governo e, obviamente, tínhamos em mente que era preciso mudar a estrutura, dando ênfase na atenção básica”, disse.

A medida adotada pelo GDF atinge os agentes de vigilância ambiental, servidores responsáveis por trabalhar no combate à dengue, controle de roedores, vacinação de animais e na educação ambiental. Também são enquadrados os agentes comunitários, profissionais que integram as Equipes de Estratégia Saúde da Família e realizam visitas domiciliares em todo o DF.

Segundo o secretário de Administração Pública, Wilmar Lacerda, com a sanção da lei haverá reajuste salarial que em determinados casos poderá chegar a 64,16%, pagos parceladamente. Para a esse benefício, o GDF investirá R$ 1,5 milhão este ano, R$ 9,7 milhões em 2014 e R$ 16 milhões em 2015. Existe, também, a previsão de reforço das equipes.

“Estamos fazendo o que nenhum governo em sua história fez, como exemplo, a criação dessa carreira. Estamos incluindo 1,5 mil trabalhadores nas carreiras do DF e nossa intenção é aumentar esse quadro para 1,3 mil cargos de agentes de vigilância e 3.350 mil de agentes comunitários de saúde”, anunciou o secretário.

Para a agente de saúde Edileide Santos, 36 anos, a iniciativa do governo local colocará fim em uma série de problemas enfrentados pela categoria. “Trabalho há oito anos nessa área e considero esse momento como um presente de natal, um sonho que se realizou. Vivíamos num impasse, sem estabilidade e sem reconhecimento. Agora, tudo vai mudar”, frisou.

Ao final da solenidade, realizada no Clube da Saúde, o governador e a primeira-dama do DF, Ilza Queiroz, e os secretários de Estado receberam a visita das atletas da Seleção Chilena de futebol feminino, que está em Brasília para a disputar a 5ª edição do Torneio Internacional de Futebol Feminino, que acontece entre hoje e 22 de dezembro, no Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha.

É uma luta longa, de vários anos, que muitos achavam que era impossível”.
Governador Agnelo Queiroz

Deixe o seu comentário no espaço abaixo!

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)  
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com  
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs  
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude   
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude   
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum   
Blog da MNAS e Jornal dos ACS/ACE: www.agentesdesaude.com.br
Fonte: Redação Jornal Coletivo