sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Paralisação e Manifestação Nacional do dia 12 de novembro...

12 de novembro de 2013 - quem mudou a Constituição Federal pode muito bem fazer 
Criar o Piso Nacional dos Agentes de Saúde!

Veja também:
Dilma anuncia R$ 13,5 bilhões para prefeitos
De olho em 2014, Dilma anuncia programa de 18,7 bilhões de reais

Não podemos perder o foco!
A Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS fez a convocatória da PARALISAÇÃO E MANIFESTAÇÃO NACIONAL desde a última concentração em Brasília, 24/10, acordando com a categoria que as manifestações seriam feitas em frente das prefeituras e Câmaras Municipais de Vereadores, o que fosse mais conveniente à categoria. Considerando que os prefeitos, juntamente com o governo federal, estão manipulando a votação do Piso Nacional dos Agentes de Saúde.

Situações diversas
No caso do número de agentes de saúde no município ser bastante reduzido. A categoria local junta-se com os de outra cidade, pactuando previamente, ou seja, antes do evento. Se for mais conveniente, a categoria desses municípios com o número de ACS/ACE reduzido, podem manifestar-se na frente da Sede de sua GERES - GERÊNCIA REGIONAL DE SAÚDE.



Orientações importantes
- As lideranças municipais deverá reunir a  sua equipe com a categoria  e pactuar a forma como as manifestações serão realizadas, estabelecendo previamente o percurso e o local de concentração;
- Previamente informar ao setor administrativo do município sobre a mobilização com data, hora e local, por meio de oficio;
- Informar as autoridades competentes (polícia militar e autoridades de trânsito) sobre o evento para a categoria esteja plenamente resguardada pela legalidade do ato;
- Fazer ciência a toda a categoria de ACS/ACE que a manifestação é legal, ordeira e amparada pelos direitos dos trabalhadores. A categoria não deve aceitar qualquer proposta ou envolvimento de grupos que tentem projetar o evento à ilegalidade com promoção de vandalismo ou qualquer ato equivalente. O que seria uma total falta de responsabilidade e, portanto, colocando o movimento nacional em situação delicada.
- As reivindicações pelo Piso Salarial Nacional em momento algum deve ser visto como motivo de confronto e revolta, quer com os gestores, autoridade ou qualquer seguimento da sociedade.

No caso da categoria não ter estabilidade (ser contratada ou celetista)
Fazemos lembrar dos momentos de luta pelo estabelecimento da Lei Federal 11.350/06. Inicialmente PLS 007, depois EC 51 e, finalmente, chegamos a lei maior. Na ocasião nenhum agente de saúde em todo o território nacional era efetivo, portanto, o argumento de que a categoria não participará do ato por esse motivo é totalmente destituída de valor! Antes pelo contrário, a categoria deve ir as ruas para fazer valer os seus direitos e mostrar que ela não está adormecida pelo medo. Enquanto o trabalhador não acordar para a necessidade de reivindicar os seus direitos, ele estará abrindo mão deles.

Essa é a orientação da coordenação nacional da MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde.


Ednaiptan comanda a estratégia sindical da MNAS


Deixe o seu comentário no espaço abaixo!

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)  
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com  
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs  
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude   
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude   
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum   
Blog da MNAS e Jornal dos ACS/ACE: www.agentesdesaude.com.br
Fonte: