quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Sindicatos dos servidores da saúde repudiam postura da executiva do SINDACS-PE

Sra. Maria do Carmo, presidente do SINDACS-PE e o governador de Pernambuco, Eduardo Campos. E os agentes de saúde, onde fica nessa situação?

Hoje, 26/09/13, no Pátio da Prefeitura do Recife, diversas lideranças sindicais ligadas ao Fórum dos Servidores Públicos do Recife - FSPR, durante a participação do ato em prol do PMAQ, manifestaram indignação com a postura do Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Endemias, SINDACS-PE. Este sindicato publicou uma nota em seu site, estabeleceu contato com as unidades para persuadir os agentes comunitários a não participarem do ato convocado por deliberação dos trabalhadores da saúde.

O SINDACS-PE, além de não participar de ações em defesa de sua categoria, ainda busca atrapalhar que os próprios trabalhadores se articulem. Os sindicatos que participaram do ato, revelaram-se indignados com os termos que o SINDACS-PE usou em seu site, entre eles: irresponsabilidade, desordeira e insensatos. Diante de tal situação, as lideranças dos sindicatos dos servidores da saúde repudiam veementemente essa postura irresponsável. Entre as lideranças sindicais que manifestaram o repúdio nesta data, citamos: o presidente do SATENPE - Sindicato Profissional dos Auxiliares e Técnicos de Enfermagem do Estado de Pernambuco, Francis Herbert, do SEEPE - Sindicato dos Enfermeiros no Estado de Pernambuco, Wagner de Lima Cordeiro, do SOEPE - Sindicato Dos Odontologistas no estado de Pernambuco, Rosa, do SINDASTB - Auxiliares e Técnicos de Consultório Dentário, Eduardo entre outros, manifestaram-se indignados com a postura irresponsável da direção do sindicato dos ACS/ASACE no Recife. Na opinião deles essa postura poderá prejudicar a categoria que o SINDACS-PE diz representar. Há possibilidade dos agentes de saúde serem prejudicados de forma irreversível, por total negligência da executiva do SINDACS-PE, o que é vergonhoso.

Os trabalhadores da saúde reivindicam 70%, do valor total do PMAQ contra os 3,5 % que a prefeitura do Recife oferece. A gestão municipal comprometeu a verba do PMAQ com CONSTRUÇÕES E REFORMAS. Agora terá que prestara contas aos trabalhadores!


Agentes Comunitários de Saúde da Prefeitura de Abreu e Lima recebem R$ 200,00 
mensal de PMAQ.

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)  
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com  
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs  
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude   
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude   
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum   
Blog da MNAS e Jornal dos ACS/ACE: www.agentesdesaude.com.br
Fonte: