sábado, 5 de maio de 2012

Paraíba registra 713 novos casos de hanseníase

Campanha será realizada neste sábado (5) em dois grandes hospitais da capital, onde diversos profissionais estarão orientando a população.
Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

A Paraíba registrou 713 novos casos de hanseníase entre janeiro e dezembro do ano passado, segundo o Ministério da Saúde. No entanto, a Sociedade Brasileira de Dermatologia, regional Paraíba (SBD/PB) estima que o número de portadores da doença possa ser maior. O motivo é que os sintomas só costumam aparecer entre dois e cinco anos após o contágio. Enquanto isso, a patologia vai sendo transmitida de uma pessoa para outra e, em alguns casos, até causando deformidades irreversíveis no corpo.

Para alertar a população sobre esses riscos, a SBD/PB vai realizar na manhã de hoje uma campanha de prevenção à hanseníase. Das 8h às 12h, médicos, enfermeiros e fisioterapeutas estarão de plantão na recepção do Complexo Hospitalar Clementino Fraga, em Jaguaribe, e no Hospital Universitário Lauro Wanderley, no Castelo Branco. Durante horas, eles darão orientações e farão exames nas pessoas.

Segundo a dermatologista Luciana Trindade, secretária geral da diretoria da SBD/PB, a campanha tem a finalidade de barrar o crescimento da doença. “A hanseníase é considerada uma endemia, porque sempre apresenta novos casos na Paraíba e já se tornou uma grande preocupação para a Sociedade Brasileira de Dermatologia. O diagnóstico precoce é a principal forma de combater essa doença”, destacou.

A especialista acrescenta que a hanseníase tem cura e o tratamento está disponível na rede pública de saúde.

Considerada uma das doenças mais conhecidas do mundo, a hanseníase é descrita nos relatos bíblicos como a lepra. No passado, quem tinha a doença era obrigado a viver isolado para não contaminar as pessoas. Hoje, essa realidade mudou. No entanto, a patologia continua sendo altamente contagiosa.


Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: bit.ly/MNASJornal
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum
agente comunitário de saúde, endemias, ava, acs, ace, conacs, ACS Lima
Fonte na web: www.pbagora.com.br