segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

246 agentes de saúde realizam mutirão contra a dengue no Recife-PE

Agente de saúde vistoria caixa d'água em casa do bairro
Fotos: Malu Silveira / NE10
Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

GRANDE RECIFE // ALERTA 246 agentes de saúde realizam mutirão contra a dengue em Nova Descoberta

Do NE10
O bairro de Nova Descoberta, na Zona Norte do Recife, recebe durante toda esta sexta-feira (24) um mutirão contra a dengue, ação que visa combater o foco da doença na comunidade, uma das mais afetadas no Grande Recife. Desde o começo da manhã, 246 agentes de Saúde Ambiental e Controle de Endemias (Asaces) vistoriam cerca de nove mil residências e estabelecimentos comerciais.

De acordo com a diretora da Vigilância à Saúde do Recife, Adeílza Ferraz, a cidade registrou 429 casos de dengue nos dois primeiros meses de 2012, um aumento de 380% em relação ao mesmo período do ano passado. Somente em Nova Descoberta, já foram notificadas 30 ocorrências. "Com esse tempo instável, o número de casos aumenta. Por causa disso, estamos antecipando as ações educativas, que geralmente só acontecem entre maio e junho", ressalta.

A dona de casa Ana Maria de Moura, 50 anos, foi uma das moradoras que teve sua casa vistoriada. Segundo os agentes, a residência era um exemplo de cuidados contra a dengue. "Todos aqui em casa já tiveram dengue, então tampo tudo, não deixo água parada e tenho bastante cuidado", garante Ana Maria.


Mônica enfrenta dengue pela segunda vez em menos de cinco meses


Já a moradora Mônica Mota, 32 anos, não escapou do Aedes Aegypti, o mosquito responsável pela transmissão da dengue. Segundo a balconista, o problema veio do telhado de um bar que fica ao lado da sua casa. "Já é a segunda vez que eu tenho dengue. A gente já pediu para ele tirar o que está acumulado, ele diz que vai tirar e não tira". O irmão de Mônica, Petrônio Andrade, 27 anos, (que também já sofreu com a doença) reclama. "Agora está tudo enxuto, não tem problema. Mas quando chove, piora a situação".



Telhado de bar vira depósito de lixo e água parada, risco para a comunidade

CONSCIENTIZAÇÃO - Com aplicação de larvicida biológico e descarte de possíveis criadouros do mosquito, a Vigilância à Saúde também montou um estande com material educativo no Largo Dona Regina. No local, a população é orientada por dez "asinhas", adolescentes da própria comunidade, vestidos de mosquitos.



Estande montado no Largo Dona Regina orienta a população

Para Adeílza Ferraz, as parcerias também são importantes para o combate à dengue. O Exército também entrará na luta junto com a Vigilância Sanitária. E com as varreduras dos agentes de saúde, que vistoriam casa a casa. "Estamos orientando, através da ação educativa e eliminando os focos. Até uma tampinha de garrafa pode ser um foco da doença", ressalta. [Confira as dicas da gerente de Vigilância à Saúde]

Além das ações educativas e de conscientização, o morador que tiver qualquer dúvida, pode entrar em contato com a Ouvidoria Municipal de Saúde, através do telefone: 0800-281-1520. (De Segunda a Sexta, das 7h às 19h) Veja o vídeo http://youtu.be/u-Ftyrusves

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Seja voluntário da MNAS, Clique aqui e nos envie o seu cadastro!
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: bit.ly/MNASJornal
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum
agente comunitário de saúde, endemias, ava, acs, ace, conacs, ACS Eliseu Lima
Fonte na web: ne10.uol.com.br