terça-feira, 31 de janeiro de 2012

4 categorias de servidores fazem campanha salarial em Fortaleza

Agentes paralisaram em frente à AMC, no bairro de Fátima (Foto: André Teixeira/G1)

Servidores do IJF, AMC, Guarda Municipal e Samu param atividades.
Secretaria afirma que está em negociação e apresenta propostas.
Divulgação do Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil

Quatro categorias de servidores da prefeitura de Fortaleza realizam paralisações pontuais, de algumas horas por dia, enquanto negociam reajuste salariais com o poder municipal. Os agente de trânsito (AMC), do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), do hospital Instituto José Frota (IJF) e a Guarda Municipal estão em estado de greve.

Os servidores do Samu decidiram em assembleia nesta segunda-feira (30) paralisar as atividades das 13h às 16h no terça-feira (31). Também na terça-feira, os agentes da AMC prometem suspender as atividades em 3 horas a cada turno.
A Secretaria de Administração Municipal diz que está em processo de negociação com as categorias desde 2011. O aumento dos servidores, de acordo com a secretaria, deve variar entre 3,10% e 17,55% na remuneração final.
Os servidores do IJF, o maior hospital de urgência e emergência do Ceará, reivindicam implantação da gratificação de 20% e restabelecimento das horas noturnas recebidas pelos servidores do IJF. Para os servidores da área de saúde, a Secretaria de Administração Municipal apresentou a proposta de reajuste entre 4,13% a 15,75% a partir de janeiro, além de auxílio refeição de R$ 6,70.

Os membros da Guarda Municipal pedem alteração do percentual do risco de vida de 40% para 100%. Pedem também a alteração do percentual da gratificação de diferencial de hierarquia, de 10% para 60% para subinspetores e de 15% para 80% para inspetores. Já a secretaria apresentou uma proposta de reajuste salarial entre 3,93% e 14,13%, dependendo do cargo na corporação.
Os agentes da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) pedem reajuste salarial que sobreponha a inflação no ano anterior, avaliada em cerca de 6%. Eles pedem também aumento do percentual da Gratificação Específica de Exercício da Função (GEEF) e regulamentação da produtividade dos servidores administrativos da AMC. A secretaria municipal ofertou a proposta de reajuste que varia de 3,41% a 15,71%, de acordo com o cargo na AMC.
Em nota, os sindicatos dos servidores municipais das categorias em greve afirmam a proposta feita pela prefeitura fica abaixo do exigido pelos funcionários. As categorias afirmam ainda que vão manter paralisações temporárias dos serviços para conseguirem todos os pontos de reivindicação.

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)
Seja voluntário da MNAS, Clique aqui e nos envie o seu cadastro!
Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude
Jornal dos ACS e ACE: bit.ly/MNASJornal
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs
No Orkut: www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=88080356
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum


Fonte: g1.globo.com