quarta-feira, 5 de maio de 2010

Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde da Região Metropolitana de São Paulo (SINDACS)

O sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde da Região Metropolitana de São Paulo (SINDACS), reuniu aproximadamente 80 trabalhadores(as) Agentes Comunitários de Saúde, realizando a primeira assembleia da categoria na região do ABC, após a fundação do sindicato.

A assembleia aconteceu no auditório da câmara municipal de Santo André, às 10h de sábado, 24 de abril de 2010, para tratar da elaboração e aprovação da pauta de reivindicação da categoria para o ano corrente. A assembleia foi concluída com a aprovação da pauta sugerida pelo sindicato e acrecida de alguns itens trazidos pelos trabalhadores, que juntos, decidiram os caminhos de luta do sindicato no sentido de combater velhos problemas e injustiças sofridas pela categoria durante anos.

Os trabalhadores pedem aumento de salário em 50% ( cinqüenta por cento), além de auxílio creche de 153 reais, do nascimento até os 6 anos de idade da criança, transporte gratuito no município de atuação, substituição da cesta básica por vale alimentação no valor de 100 reais, garantia de uniforme e protetor solar, biênio, programa de formação continuada, autorização para desconto da mensalidade sindical em folha de pagamento e o compromisso dos prefeitos com o cumprimento da lei que determina o piso salarial e plano de carreira.

Para o secretário geral do sindicato, Fabio Bandeira, o aumento de 50% no salário do Agente não significa grandes esforços para o governo, uma vez que o salário atual é muito baixo, esse aumento, na verdade vem em tom de justiça, não só pela importância do trabalho do agente para a saúde da população, mas porque durante anos o reajuste salarial não acompanhou o índice inflacionário, chegando a absoluta defasagem, as demais reivindicações são simples porque são coerentes com direitos já conquistados por outras classes trabalhadoras, com a CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) e com as próprias diretrizes do SUS ( Sistema Único de Saúde).

Estamos muito confiantes, nossas expectativas são positivas principalmente para os municípios de Santo André e São Bernardo do Campo, no primeiro porque o atual prefeito, Aidan Ravin, declarou publicamente em sua campanha eleitoral que iria trabalhar forte para melhorar a saúde da população andreense, ainda em Santo André, o secretário de saúde que assumiu recentemente a pasta, declarou que a administração investirá no programa Saúde da Família (PSF), em São Bernardo o prefeito Luiz Marinho já demostrou que a estratégia também é prioridade, e inclusive acaba de ampliar o número de agentes comunitários atuantes e traçou como meta a cobertura em 100% do município pelo PSF.

O momento vivido pelos ACSs é de extrema importância, nós estamos dando os primeiros passos rumo a construção da justiça e da dignidade na profissão, e não poderíamos deixar de agradecer a presença da categoria na assembleia, isso vem nos mostrar que o esforço que fizemos valeu a pena, e também demostra que o sindicato, apesar de novo, pode ser muito forte, os Agentes estão dispostos a lutar, e assim sendo, temos absoluta certeza que alcançaremos nossos objetivos, afinal, é imensurável a capacidade de influência que esses profissionais têm na comunidade, são politizados, construíram vínculos com as famílias, e entram nas casas delas todos os dias, todos sabemos da importância e da implicância que isso tem nas decisões tomadas pela comunidade no que diz respeitos as escolhas das representações políticas que dão rumo aos nossos municípios, estados, país e as nossas vidas, com certeza usaremos esse fator para construir justiça social, dignidade no trabalho e promover a saúde da população. Afirma Bandeira.


Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde da Região Metropolitana de São Paulo (SINDACS)
Rua senador Flaquer, 443, Centro, Santo André-SP, CEP: 09010-160
Contato: (11) 44373300 / 84375579
www.sindacs.org.br / sindacs.sp@hotmail-nao-spam.com
Secretária de comunicação e imprensa
Revisado por Érica Thomaz

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde coordenada por Samuel Camelo

Twitter: twitter.com/AgentesdeSaude

Fonte: Fabio Carlos Bandeira

36 comentários:

  1. aqui em são bernardo estão exigindo a presença nas ubs,mas só que não estão dando vale transporte,cesta basica sempre vem faltando para alguem,uniforme só deram um,holerite sempre faltando tambem,e casos de enfermeira com regime de ditadura.

    ResponderExcluir
  2. pois sim aqui temos problema com a falta de planejamento com horario e numeros de vizitas exigidas temos que ir ao posto assinar ponto 08, 12 13 17 hs isso da uma distancia de em media 30km 20mts a 30 mts 8x feito por dia vai 8 E volta pra area,vai as 11:30 E volta vai as 13:00 E volta vai 16:30 E RETORNA

    ResponderExcluir
  3. corrigindo o acima vamos as 11:30para assinar as 12 hs ficamos na área pouco tempo.e o salário e de 593 rs 100rs de VA e os gasto com bicicleta fica por nossa conta.

    ResponderExcluir
  4. gostaria de saber qual é o piso salarial dos acs e gataria de uma visita de algum representante do sindicato na nossa unidade para esclarecimentos ubs jardim da conquista III, FAVOR ENTRAR EM CONTATO 27345440 FALAR COM ALINE GRATA.

    ResponderExcluir
  5. gostaria de saber se em santo andré já existe uma sede do sindacs. estamos precisando de orientações.

    ResponderExcluir
  6. GENTE O QUE ACONTECEU COM A RECARGA DO V.A QUE DEVERIA TER SIDO NO DIA 25/05? A FUNDAÇÃO INFORMA QUE ESTÁ COM DIFICULDADE FINANCEIRA PARA PAGAR NOSSOS BENEFÍCIOS.

    ResponderExcluir
  7. gostaria de saber se o sindicato de Santo André tambem serve para nos aki em São Paulo?
    agradeço quem pudere me informar?

    ResponderExcluir
  8. gostaria de saber quais os direitos de exigencia dos superiores das ubs, pois há exigencias que parecem estar fora do devido, como ex:
    o numero de visitas que precisam ser representadas pelos grupos, quando o mesmo não bate os por desfalque de pessoas ou por que "alguem" não bate as metas os que trabalham precisam repor as visitas por si e palos outros; até mesmo sobre a quantidade de fichas de preenchimento para o fechamento do mês, são muitas fichas:
    *D 1
    *D 2
    *FECHAMENTO
    *AGENDA MENSAL DO ACS
    *HIPERTENSO
    *DIABÉTICO
    *GESTANTE
    *CARTEIRINHA DE VACINA
    *TUBERCULOSO
    *CRIANÇAS
    *MENORES DE UM ANO
    *RELATÓRIO DIÁRIO
    *CRONOGRAMA DE VISITA DO ACS
    *FICHA DE REGISTRO DE HOSPITALIZAÇÃO DE ÓBITOS DO ACS
    *MAPA DE REGISTRO DE INTERROGATÓRIO RESPIRATÓRIOS

    SÃO MUITAS FOLHAS PARA O FECHAMENTO DO MÊS!!!

    OBS:(IMPORTANTE)GOSTARIA DE SABER SE É FUNÇÃO DOS ACS FAZER PRONTUÁRIO E CARTÃO FAMILIA?

    ResponderExcluir
  9. Aqui na minha cidade Várzea Paulista Sp,não temos uniforme para trabalharmos,protetor solar não é IPI de trabalho. Falta planejamento da gerencia.

    ResponderExcluir
  10. Bom sou acs e gostaria de saber com o piso salarial, não tenho o tenis para trabalhar que eles exigem estou usando o meu mesmo que por sinal já esta estragando, sou da regial Jardim Ângela-SP

    ResponderExcluir
  11. porque somos tao humilhados nas ubs como psf e pela gerencia

    ResponderExcluir
  12. vou explicar uma coisa somos humilhados, pq em certos setores da secretaria de saude e ubs acham que somos analfabetos sem culturas e pobres e que esse serviço e um sub emprego, so porisso e que não somos capacitados p arrumar coisa melhor.Bom isso eu ouvi de uma enfermeira na ubs numa reunião na ubs.
    Queridos amigos aqui em SBC viramos não acs, mas sim PAPEL HIGIENICO estamos em todos os lugares cada um que chega quer mandar não querem nem saber como vc vai fechar sua ficha e nem como vc vai cobrir a area.
    Sinto que fui contratada para uma coisa a 12 anos e agora faço outra, colher catarro, correr atras de mosquito da dengue , correr atras de pai q não registro o filho etc.
    Isso e viver no inferno nem p mandar embora mandam, por mais que vc reclame ninguem ouve aqui.

    ResponderExcluir
  13. na ubs em que trabalho ouve um processo seletivo para o cargo de agente de promoção ambiental no edital estava q o salario seria 740,82 mas eles nem começaram a trabalhar e ja tiveram um aumento de +/- 190,00 enquanto o nosso cont.na mesma.Isso é só pra dizer o qto nos somos importantes eles tbm são de nivel fundamental, cadê o nosso aumento?

    ResponderExcluir
  14. Ser acs, em qualquer unidade é o mesmo sofrimento???? Não vejo nada de bom, salário baixo, sobrecarga, acumulo de funções, humilhaçaõ!!! Façam que nem eu, estou fazendo pedagógia, porque não tenho mais com quem brigar.Adoro os pacientes que me ecebem nas suas casas e me tratam muito bem, mas quando tenho que voltar pro posto é horrível e sempre temos uma má notícia!!! Passei a tarde procurando na internet, alguma base pra brigar, ou pelo menos alguém que me ouça, mas o mais interessante que eu achei, foi esse espaço pra reclamar um pouco. Boa sorte a todos acs e Deus nos ajude!!

    ResponderExcluir
  15. sou acs a 5 anos antes nos faziamos o nosso trabalho hoje as atribuiçao sao tantas que os comunitarios viraram numeros hoje temos que preemcher um monte de fichas que nao damos conta ficha de criança hipertenso diabetico tb gestante relatorios diarios fichas de triagem odontologica bolsa familia e por ai vai e ai de nos se nao dermos a meta e ainda fazer prontuario e levar bronca de counitario por conta de mau atendimento por parte de medicos enfermeiro e principalmente recepçao valeu foi meu desabafo obrigado por essa oportunidade a questao e que todos nos estamos ficando doente a beira e um ataque de nervos ufa

    ResponderExcluir
  16. por favor alguem me responda se foi repassado o dissidio esse ano porque no PSF que trabalho não foi repassado para os ACS. To cansada de ser humilhada e receber o valor que recebo. Obrigada

    ResponderExcluir
  17. creusa diz
    sou acs ha 10 anos, venho de um tenpo em que o sal´´ario eram dois salários minimos, hoje não ganhamos nem l e meio, agora cade os repasses a carreção, estou muito doente devido ao trabalho, e as dificuldades são grandes, e dizem que sequiser tenho que pedrir as contas, acham isso certo, pois é esse é o nosso tratamento choque.

    ResponderExcluir
  18. sol agente aqui na zona norte aff ke sofrimento trabalhamos de mais e ganhamos pouco, na ubs que trabalho se ficarmos doente e passarmos na ubs naum dao atestados se precisamos a gerente proibiu, se naum fossem nos acs oke seriam dos medicos enfermeiros e auxiliares de emfermagem pois samos nos que damos nossas caras a bater deveriamos nos umir mas e correr atras dos nossos direitos fazer um protesto pois dinheiro para nos dar um salario digno eles tem.

    ResponderExcluir
  19. Lamento muito que efetivamente o Sindicato do agentes , tenha conseguido táo poco até agora, pois em um país com um desenvolvemento economico enorme como o Brasil, exista uma categoria concursada num serviço publico com uma exposição tão grande a riscos com uma remuneração vergonhosa. Isso porque não se faz valer de fato os direitos dos ACSs.
    Até quando eu me pergunto???

    ResponderExcluir
  20. Estou decepcionada com a profissão de ACS, são tantos formulários, reclamações dos usuários quando os mesmos são maltratados na recepção ou pelos médicos e enfermeiros, é só exigência em cima de exigência, assédio moral e o V.A. sempre atrasado... é um inferno, andar o dia inteiro correr até risco de vida e voltar para o PSF,e ver que os "puxa-sacos" não precisam nem bater meta.... É uma vergonha!!!!Agradeço pelo espaço para desabafar é só o que resta para o ACS.....

    ResponderExcluir
  21. ACS zona norte - São Paulo/SP
    Concordo com todos que disseram, muitas fichas para preencher, relatórios em excesso, cobranças excessivas, chefes de mais, salário de menos.
    Ao sindicato, que nao esta presente, que todo ano tem sua taxa cobrada, e nunca toma uma providencia para uma melhor condição de trabalho.

    ResponderExcluir
  22. O sindicato vem descontando de nossos salários o valor um pouco mais de 7,00R$, mas pelo o que me consta não assinei nenhum termo e os meus outros 24 colegas da UBS também o desconhecem.
    Entramos em ctt e solicitamos uma explicação, pois pelo que eu saiba isso é contra Lei, estamos também reivindicando o nosso DICIDIO, pois nós os ACS somos a unica classe que ainda não recebemos, porque será?
    Nós da UBS sem nenhuma resposta do sindicato decidimos fazer um B.O, para que pelo menos tenhamos o direito de optar pelo sindicato ou não, acho que pelo menos isso temos o direito e vamos brigar por ele, já que o salário dos ACS não correspondem as nossas expectativas e ao trabalho que fazemos.

    ResponderExcluir
  23. Tambem estou muito chateada com este desconto por ter este sindicato e ninguem ter perguntado se quero ou não pagar. Na unidade que trabalho todos querem saber o porque deste desconto. Acho uma falta de consideração com a classe

    ResponderExcluir
  24. gostaria de saber porque na minha cidade nosso salario não passa de 575 reais enquanto na cidade vizinha o piso salarial é de 830.que eu saiba isso é um programa do governo e não de prefeitura tem alguem comendo nosso reajuste.somos tanto humilhados deveríamos ser melhor remunerado já que a usb não funciona sem nós.

    ResponderExcluir
  25. é notavél como os acs não são unidos por isso tem medo de enfrentar sozinhos abusos de sua chefia,digo isso pois sou acs ha 7anos e ja passei por situaçôes piores como ter que enfrentar uma area de risco de quedas gravida de quase 9 meses inchada,e não ter apoio das minhas colegas pra dizer não e cobrar das auxiliares e enfermeira ajuda com as vds e metas.Acs se unam nas suas ubs e não aceitem humilhações!!!

    ResponderExcluir
  26. porque o sindicato não informa nada que esta ocorrendo,é um absurdo as condições dos acs que tem um salário de merda e esta patifaria pra aprovar um salario que não chega nem perto dos outros profissionais,só porque não somos tecnicos??acs só serve pra ajudar a unidade com numeros que ninguem quer ir atras buscar,ai dos gerentes,adm,e enfermeiros se não fosse a gente pra cubrir o que eles não conseguem fazer e ficar tampando o sol com a peneira,já tive que ajudar a preencher fichas como de mae paulistana e de bolsa familia,precisam de nois,por isso acs não aceitem humilhações autoritarismo de enfermeiras e gerentes pois não podem mandar embora seu uma justificativa nem dar advertencia se não estiverem com a razão,chegou um memorando da coordenação que sO os acs podem ter atestados de mais de 3 dias na unidade,ai os medicos se negam a dar e os gerentes querem proibir tbém é só ligar no rh.estão achando que é ditadura.conselho de colega::fiquem o menos possivel na ubs depois da reuniao que costuma ser pela manha vão pra area ,adm a tarde e sejem discretos assim dá pra sofrer menos st´pe ver o que vai dar.....falei

    ResponderExcluir
  27. porque o vr é tão pouco comparado a outros parceiros que chega a ser 400reais que absurdo e nunca cai na mesma data parece até que estão fazendo um favor e nosso direito que ja deviam ter dado a muito tempo,não se envergonham de mandar acs pra rua com uniformes velhos e com emblema sus desbotado representar a saude de são paulo uma cidade grande,com alta economia cadê vcs sindicato que discontam sem perguntar e não dão um pingo de satisfação...é o apocalipse mesmo!!

    ResponderExcluir
  28. trabalho pelo dinheiro que é o sustento da minha família,não vale a pena ficar se acabando por uma população que a maioria é ingrata e não reconhece o nosso trabalho só nos querem pra ser meninos de recado e marcar consulta e reclamar de tudo e todos, e que os proprios profissionais na ubs não estão se importando(não generalizando)quem diz é um acs de 8anos que ja se desgastou muito enquanto ninguem ta nem ai,que segurava buchas da população sozinho e quase teve problemas emocionais não quero fazer parte da estatistica de acs com problemas de depressão tenho familia pra criar não vale a pena segurar problemas que só deus pode resolver,não suo salvador da patria,,,cumpro minhas metas de vd e grupos,faço o que me pedem na medida do possivel e pronto!

    ResponderExcluir
  29. Sou acs tambem e estou revoltada , é tanto trabalho que nos dá , mas receber um salario desse , nos acs deveriamos ser mais unida entrar em greve queria ver se eles os grandoes ia atras de tanta coisa nos é que levamos todas as informaçoes pra ubs e secretaria da saude
    gente vamos entrar em greve vamos nos unir e brigar pelos nossos direito . olha outra coisa ser acs nao é profissao quando sairmos deste emprego essa profissao nao vai servi de nada porisso temos que lutar pelos nossos direitos o mais rapido possivel GREVE ,GREVE

    ResponderExcluir
  30. nos somos obrigada a ir atras da pessoas que recebem o bolça familia ?isso nao seria um trabalho para a sub prefeitura ? temos que obrigar os usuarios assinar a nossas vd para comprovar que estivemos en visita e arrumar prontuarios que so medicos e enfermeiro podia arrumar temos que ser cuidadosa com exames é responssabilidade nossa ?
    temos desconto de sindicato mas nunca vi e nem sei onde fica , e se pedimos a informaçao eles nao dao nem telefone nem endereço . pra mim os nossos deveres de acs é . ir nas casa fazer nossa visita diaria dar conta de ha ,dia , gestante ,criançamenor de 2 anos , hans .dengue e todas a fixa que preenchemos . so que na ubs que trabalho tem sempre mas pra fazer ganho 703,00 reais e tem tanta coisa pra fazer e ainda por cima desconfia de nois isso chega duer
    estou escrevendo tudo isso mas sabendo que vcs nao vao responder pois ja escrevi enunca tive resposta vcs deveeriam olhar mas para os acs pois tem muitos acs doetes por esses e outros motivos mas essa classe de acs nao é uma profissao por isso é que nem existe sindicato obrigado

    ResponderExcluir
  31. desculpas pelos erros de portugues estou nervosa e sem pespectiva que um dia o nosso serviço seja reconhecido . sem duvida nenhuma é um serviço muito bonito desde que nao seja visto da forma que estao vendo (sem confiança por partes dos parceiros e ubs )

    ResponderExcluir
  32. acs de maua estao recebendo menos q o salario minimo584,00

    ResponderExcluir
  33. Olá, Jacy!

    Agradecemos por sua manifestação reivindicatória. Realmente não é possível aceitar a imposição de algo que sabemos que não está correto e, além disso, vai contra as nossas necessidades básicas. Orientamos que busque o apoio de seu sindicato, converse sobre os fatos e requisite providências. Certamente que o seu sindicato irá atendê-la. A MNAS está a disposição para ajudar no que for possível. Lembrando que não exercemos a função de sindicato, nem temos tais pretensões. As atribuições dos sindicatos são singulares, ou seja, são definidas especificamente para eles. Um grande abraço e nunca podemos esquecer de que juntos, somos mais fortes!

    ResponderExcluir
  34. Presidência da República
    Casa Civil
    Subchefia para Assuntos Jurídicos

    EMENDA CONSTITUCIONAL Nº 51, DE 14 DE FEVEREIRO DE 2006

    Acrescenta os §§ 4º, 5º e 6º ao art. 198 da Constituição Federal.

    As Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, nos termos do art. 60 da Constituição Federal, promulgam a seguinte Emenda ao texto constitucional:

    Art. 1º O art. 198 da Constituição Federal passa a vigorar acrescido dos seguintes §§ 4º, 5º e 6º:

    "Art. 198. ........................................................

    ........................................................................

    § 4º Os gestores locais do sistema único de saúde poderão admitir agentes comunitários de saúde e agentes de combate às endemias por meio de processo seletivo público, de acordo com a natureza e complexidade de suas atribuições e requisitos específicos para sua atuação.

    § 5º Lei federal disporá sobre o regime jurídico e a regulamentação das atividades de agente comunitário de saúde e agente de combate às endemias.

    § 6º Além das hipóteses previstas no § 1º do art. 41 e no § 4º do art. 169 da Constituição Federal, o servidor que exerça funções equivalentes às de agente comunitário de saúde ou de agente de combate às endemias poderá perder o cargo em caso de descumprimento dos requisitos específicos, fixados em lei, para o seu exercício." (NR)

    Art 2º Após a promulgação da presente Emenda Constitucional, os agentes comunitários de saúde e os agentes de combate às endemias somente poderão ser contratados diretamente pelos Estados, pelo Distrito Federal ou pelos Municípios na forma do § 4º do art. 198 da Constituição Federal, observado o limite de gasto estabelecido na Lei Complementar de que trata o art. 169 da Constituição Federal.

    Parágrafo único. Os profissionais que, na data de promulgação desta Emenda e a qualquer título, desempenharem as atividades de agente comunitário de saúde ou de agente de combate às endemias, na forma da lei, ficam dispensados de se submeter ao processo seletivo público a que se refere o § 4º do art. 198 da Constituição Federal, desde que tenham sido contratados a partir de anterior processo de Seleção Pública efetuado por órgãos ou entes da administração direta ou indireta de Estado, Distrito Federal ou Município ou por outras instituições com a efetiva supervisão e autorização da administração direta dos entes da federação.

    Art. 3º Esta Emenda Constitucional entra em vigor na data da sua publicação.

    Brasília, em 14 de fevereiro de 2006

    Mesa da Câmara dos Deputados

    Mesa do Senado Federal

    Deputado ALDO REBELO
    Presidente

    Senador RENAN CALHEIROS
    Presidente

    Deputado JOSÉ THOMAZ NONÔ
    1º Vice-Presidente

    Senador TIÃO VIANA
    1º Vice-Presidente

    Deputado CIRO NOGUEIRA
    2º Vice-Presidente

    Senador ANTERO PAES DE BARROS
    2º Vice-Presidente

    Deputado INOCÊNCIO OLIVEIRA
    1º Secretário

    Senador EFRAIM MORAIS
    1º Secretário

    Deputado NILTON CAPIXABA
    2º Secretário

    Senador JOÃO ALBERTO SOUZA
    2º Secretário

    Deputado JOÃO CALDAS
    4º Secretário


    Senador PAULO OCTÁVIO
    3º Secretário


    Senador EDUARDO SIQUEIRA CAMPOS
    4º Secretário
    Este texto não substitui o publicado no D.O.U. 15.2.2006

    ResponderExcluir
  35. Bom dia gente.

    Não sou ACS, porém minha namorada é há 2 anos. E como sou de outro ramo, fico impressionado com a passividade dessa categoria em reinvindicar seus direitos!

    Vivo falando pra ela, que se os ACS tivessem 10% da garra que tem os metalúrgicos ou os professores, JAMAIS a situação seria essa que se encontra.

    E lendo aqui, a situação é mais crítica do que eu pensava... cada cidade paga um salário, serviços prestados que não constam em contrato, ter de assinar ponto 3 vezes por dia, depois de percorrer distâncias de dar inveja em qualquer maratonista. Como isso se chama? Escravidão?

    Um problema sério dessa categoria é que na sua maioria, mulheres que são arrimo de família, tem medo de perder seus empregos se levantarem a voz para os absurdos.

    Porém lhes informo que existe um livro que se chama CLT, que expressa claramente quais os direitos e obrigações do empregado, e estes devem estar de franco acordo na hora da assinatura, prevendo punições para o empregador que, por ventura, exceder os limites do contrato.

    Acho que a primeira coisa a ser feita no caso de vocês é procurar obter uma cópia do mesmo (em cada cidade deve haver um tipo acredito), e levar ao sindicato ou a um advogado, e parear com as funções que realmente prestam no dia-a-dia, pois do que eu sei, vocês fazem bem mais do que deveriam, chegando a ser solicitadas para comício de prefeito, deputado, etc.

    Outra coisa é analisar o primeiro fato: Quem assina ponto, deve ter um valor por hora, estipulado da seguinte forma, no exemplo:


    R$ 600,00/ mês, dividido em 40 horas semanais, ou seja, 160 horas/mês
    Dividindo isso, chegamos a uma quantia de R$ 3,75/ hora.

    Qualquer hora além disso, conta como HORA EXTRA, e deve ser cobrada pelo empregado.

    Outra coisa é: se você tem de percorrer uma distância "X" para chegar aos cadastrados, deve-se calcular uma média de quantas vezes um ACS pode ir a UBS por dia. Por ex: Se você vai a uma casa há 10 km, e uma pessoa anda a cerca de 6 km/h, ela vai demorar no mínimo 3,5 horas para ir e voltar, sem contar o tempo das visitas, ou seja, IMPOSSÍVEL de alguém sair da UBS 8 horas e chegar as 11:30 para bater o ponto.

    Indo além, podemos citar diversas distorções dessa profissão, como o contato com cadastrados portadores de doenças de alto grau de contágio, como Tuberculose, Pneumonia, Gripe A, etc., sem os aparatos específicos de proteção ao ACS, que gera um sobre-adicional de insalubridade, além desse pífio de quem recebe.

    Continuando, podemos citar o desgaste dos ossos e articulações pelo exercício físico repetitivo, além de LER (Lesão por esforço repetitivo), provocado pelo preenchimento quase infinito de fichas que não acabam mais.

    Alie isso a aqueles ACS que visitam locais de risco, como áreas de alta criminalidade, dominadas por facções criminosas, além daqueles que tem de voltar para casa e percorrer longas distâncias após o entardecer, gerando um adicional de periculosidade, pois você está exposto a ser assaltado, baleado, estuprado, etc.

    Bom gente, em 15 minutos que escrevi aqui, vocês podem estar cientes do quanto estão errados os órgãos como a Fundação do Grande ABC, as prefeituras e o próprio Governo Federal e tratar os ACS como bonecos de fantoche, e o quanto eles podem pagar por isso.

    Agora mãos a obra, se agitem e comecem a acordar para a realidade, antes que se tornem aquilo que vêem todos os dias: cadastrados em péssimas condições de saúde.

    ResponderExcluir
  36. Boa tarde, gostaria de saber para quando é esse aumento de R$ 871,00. Porque estou ciente que a portaria já saiu e nada de eu ver a cor desse dinheiro. Sem mais obrigada.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...