terça-feira, 16 de março de 2010

Campina Grande em alerta contra a dengue

Se a Câmara Municipal de Campina Grande - PB “falasse” pelo menos uma vez por semana sobre a dengue não seria demais. A frase é do vereador Fernando Carvalho (PMDB), durante a sessão desta terça-feira (16), ao alertar as autoridades e a população sobre a possibilidade do aumento de casos de dengue na cidade.
O edil peemedebista lembrou que a dengue é transmitida através da picada de uma fêmea contaminada do Aedes aegypti, pois o macho se alimenta apenas de seiva de plantas. Um único mosquito desses em toda a sua vida (45 dias em média) pode contaminar até 300 pessoas.
Ele disse ainda que a melhor forma de se evitar a dengue é combater os focos de acúmulo de água, locais propícios para a criação do mosquito transmissor da doença. Para isso, é importante não acumular água em latas, embalagens, copos plásticos, tampinhas de refrigerantes, pneus velhos, vasinhos de plantas, jarros de flores, garrafas, caixas d´água, tambores, latões, cisternas, sacos plásticos e lixeiras, entre outros.
Fernando Carvalho ressaltou que Campina Grande encontra-se abaixo dos números apresentados como aceitáveis, graças ao trabalho desenvolvido pelos agentes de Vigilância Ambiental assim como ao próprio programa executado pela gerência ambiental.
“Campina Grande é um exemplo para o Estado, mas é necessário investir na prevenção contra a dengue, que tende a crescer em números de casos a partir do momento que começarem as chuvas”.
Só que para Fernando Carvalho, esse trabalho precisa ser feito anualmente, porque o mosquito da dengue não tempo definido para atuar. E o poder público precisa se preparar para o inverno que se aproxima, porque com as chuvas vem o aumento natural do número de dengue como tem acontecido ano após ano.
Fernando Carvalho já apresentou inúmeros requerimentos demonstrando a sua preocupação com a prevenção da dengue na cidade, principalmente em locais como cemitérios, onde a Vigilância Ambiental deve realizar visitas regulares.
Outra preocupação de Carvalho é com as lajes e marquises de edifícios em Campina Grande, sendo que em alguns delas faltam às observâncias do cuidado que se deve ter em relação à prevenção a dengue. Esse trabalho precisa ser feito em conjunto.
“Todos nós e mais o poder público precisamos ter o cuidado permanente para evitar que os casos de dengue se alastrem pela cidade. O alerta está feito”, disse Carvalho.
Da Ascom do vereador Fernando Carvalho