Acesse as nossas Matérias!

Tudo o que ocorre no universo dos Agentes Comunitários de Saúde e de Combate às Endemias você encontra aqui...

Seja um Coordenador da Mobilização Nacional

A Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde do Brasil tem fortalecido a luta dos ACS/ACE nacionalmente...

Conheça algumas das ações da MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde nas Redes Sociais

MNAS - Juntos, Somos Mais Fortes! Acesse, conheça, compartilhe e fortaleça a nossa luta que, na verdade, é sua também!

Mobilização Nacional

A Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde do Brasil está presente nos estados brasileiros...

O que os Gestores não Querem que os Agentes de Saúde Saibam...

A MNAS - Mobilização dos Agentes de Saúde (ACS/ACE) ao longo de mais de uma década tem lutado, juntamente com o seu rol de voluntários, contra a mais diversa ordem de abusos praticados...

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Diretoria do Sindicomunitário-SP reúne-se com a Senadora Marta Suplicy em Brasília

Senadora Marta Suplicy com diretores e representantes do SINDICOMUNITÁRIO-SP.

Como divulgado nesta semana, a diretoria do SINDICOMUNITÁRO-SP foi a Brasília para acompanhar a votação da PEC 22/11 e cumprir a agenda com a senadora Marta Suplicy (PMDB-SP), relatora do PLC 56/2017.

🎯 TV Câmara destaca a conquista dos agentes de saúde com a PEC 22.

A senadora foi bastante receptiva e recebeu nossa comissão com muita cordialidade, juntamente com o deputado Valtenir Pereira (PSB-MT). Marta Suplicy, quando foi prefeita de São Paulo, foi a maior entusiasta do Programa Saúde da Família (PSF), atual Estratégia Saúde da Família (ESF). Nossos diretores foram muito bem recebidos ontem (16/06) pela sua assessora especial em São Paulo, Dra. Isabela Muniz, que gentilmente colaborou com a categoria e agendou este encontro com a senadora.

O presidente do SINDICOMUNITÁRIO-SP, companheiro Jailson, foi atrás do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para levar nossas preocupações e reivindicações ao chefe do Parlamento brasileiro.

Diversos diretores do SINDICOMUNITÁRIO-SP e ACS de outras partes do País foram recebidos pela parlamentar paulista com muito carinho, ela que foi a principal madrinha da nossa categoria.


O nosso presidente, companheiro Jailson, ao lado da senadora Marta Suplicy (PMDB-SP), Valmir Aparecido (diretor executivo do SINDICOMUNITÁRO-SP), Marta Sanches (diretora executiva do SINDICOMUNITÁRO-SP) e o deputado federal Valtenir Pereira (PSB-MT).

Muito obrigado, senadora, por essa bela recepção e compromisso com nossa categoria!

No mesmo dia, o presidente do SINDICOMUNITÁRIO-SP, Jailson, procurou também o presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para pedir seu apoio à nossa categoria para colocar em votação a PEC 22/11 o mais rápido possível!

Texto e fotos de Erick Vizoki/Sindicomunitário-SP

Autorizada a reprodução dessa matéria desde que as fontes indicadas abaixo sejam citadas.

FonteAscom-Sindicomunitário-SP / Publicado no Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil em 17/08/17, às 15h34.   







https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif


terça-feira, 15 de agosto de 2017

Diretores do SINDICOMUNITÁRIO-SP protocolaram ofício à Senadora Marta Suplicy em apoio ao PLC 56/2017

Os companheiros Jailson, Marta Sanches, João Paulo e Valmir durante reunião com a Dra. Isabela Muniz, assessora de Marta Suplicy.

Na manhã de hoje, 15/08, por volta das 11h30, o presidente do SINDICOMUNITÁRIO-SP, companheiro Jailson, acompanhado dos diretores Roberto Prebill, Valmir Aparecido, Marta Sanches e João Paulo, estiveram no gabinete da senadora Marta Suplicy (PMDB-SP), em São Paulo, onde se reuniram com sua assessora especial, Isabela Muniz.

Ofício (página 1) entregue e protocolado no gabinete da senadora Marta Suplicy.

Ofício (página 2) entregue e protocolado no gabinete da senadora Marta Suplicy.

O objetivo do encontro foi entregar e protocolar um ofício (nº 246/2017) para a parlamentar, onde o SINDICOMUNITÁRIO-SP pede o apoio da senadora, que é relatora do PLC (Projeto de Lei da Câmara) nº 56/2017, para que aprove na íntegra o texto original do projeto. “Defendemos que o texto original que está em discussão e votação na Casa Legislativa dos Senadores atende perfeitamente as necessidades e os anseios dos trabalhadores, que merecem ser valorizados pelos serviços de extrema importância que realizam na prevenção e promoção da saúde junto à sociedade”, diz trecho do documento.

 A  assessora Isabela Muniz e direção do SINDICOMUNITÁRIO-SP 

Esse PLC altera a Lei nº 11.350/06 para dispor sobre a reformulação das atribuições, a jornada e as condições de trabalho, o grau de formação profissional, os cursos de formação técnica e continuada e a indenização de transporte dos profissionais Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias.



Da esq. p/ dir.: João Paulo, Valmir Aparecido Silveira, José Jailson da Silva, Dra. Isabela Muniz, Roberto Prebill e Marta Sanches.

Os ACS de São Paulo têm papel fundamental nessa mobilização pela aprovação integral do PLC 56/17 e vêm atender aos apelos da categoria em todo o Brasil, uma vez que a relatora da proposição no Senado é de São Paulo.

Nossa categoria também é representada, em todo o País, pela CONACS (Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde), FENAAC (Federação Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde, de Combate às Endemias, de Proteção Social, Promoção Ambiental e Acompanhantes Comunitários de Saúde do Brasil) e MNAS (Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde) entidades que estão contando com nosso apoio e não podemos fugir dessa luta.

Brasília

Após a reunião de hoje com a assessora Isabela Muniz, o SINDICOMUNITÁRIO-SP conseguiu agendar um encontro pessoalmente com a senadora Marta Suplicy em Brasília.
Uma delegação de diretores do nosso sindicato estará amanhã (16/08) na Capital Federal para acompanhar a votação do relatório sobre a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) nº 22/2011, de autoria do deputado Valtenir Pereira (PSB-MT), que fixa regras para a remuneração dos agentes comunitários de saúde e dos agentes de combate às endemias de todo o País. Pela proposta, o vencimento desses agentes não será inferior a dois salários mínimos, mais o adicional de insalubridade.

O encontro entre a senadora Marta Suplicy e diretores do SINDICOMUNITÁRIO-SP está marcado para após a votação da PEC 22/11.

Por isso, fiquem atentos! Não deixem de acompanhar nossas postagens em nossa página no Facebook (www.facebook.com/sindicomunitarios), quando estaremos informando, em tempo real, o andamento da votação e o encontro com a senadora!

Texto e fotos de Erick Vizoki/Sindicomunitário-SP

Autorizada a reprodução dessa matéria desde que as fontes indicadas abaixo sejam citadas.

FonteAssessoria de Comunicação do Sindicomunitário-SP / Publicado no Jornal dos Agentes de Saúde do Brasil em 15/08/17, às 19h32.   







https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif


PEC 22/2011: Mobilização em Brasília em Defesa do Reajuste do Piso Nacional

Mobilização em Brasília em Defesa do Reajuste do Piso Nacional lega agentes comunitários e de combate às endemias à Brasília

Votem SIM no PLC 56/2017!

Acompanhe a Mobilização em Brasília por meio desta página!
Até o final do dia iremos disponibilizar fotos e vídeos do evento!

Agenda


CONACS e articuladores conseguem aprovar o Relatório da PEC 22/2011, que garante o Reajuste do Piso Salarial Nacional dos Agentes de Saúde (ACS/ACE)

Nesta quarta-feira, 16 de agosto de 2017, com muita luta e mobilização, aprovamos a PEC 22/2011 em sua Comissão Especial. Agora, vamos articular com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, para que a matéria seja pautada o mais breve possível.

Comissão Especial destinada a proferir parecer à Proposta de Emenda à Constituição nº 22-A, de 2011, do Sr. Valtenir Pereira e outros, que "acrescenta parágrafos ao art. 198 da Constituição Federal, dispondo sobre a responsabilidade financeira da União, co-responsável pelo SUS, na política remuneratória e na valorização dos profissionais que exercem atividades de agente comunitário de saúde e de agente de combate às endemias" (PEC 22/11 ) 

RELATOR: Deputado RAIMUNDO GOMES DE MATOS.

PARECER: pela constitucionalidade, juridicidade e técnica legislativa das emendas nº 1, 2 e 3/2017; e, no mérito, pela aprovação da PEC nº 22/2011, com substitutivo; e pela rejeição das emendas nº 1, 2 e 3/2017.

Vista conjunta aos Deputados Assis Carvalho, Carmen Zanotto, Deoclides Macedo, Geraldo Resende, Gonzaga Patriota, Hélio Leite, Hildo Rocha, João Campos, Leônidas Cristino, Luciano Ducci, Mandetta, Maria Helena, Odorico Monteiro, Paulo Foletto, Pedro Chaves, Raimundo Gomes de Matos, Rubens Pereira Júnior, Silas Freire e Zé Silva, em 12/07/2017.
RESULTADO:

Aprovado o Parecer

A UNIÃO FAZ A FORÇA!


Acompanhe a fala do relator da PEC 22/2011

16/08/2017 - Deputado Mandetta convida todos os agentes para que se mobilize em defesa da aprovação do relatório da PEC 22/2011 que definirá o piso dos Agentes comunitários de saúde e de combate às endemias será no próximo dia 16, às 14h30, no Nereu Ramos. Venha participar desse momento histórico na Câmara Federal, em Brasília. clique aqui!

15, 16 e 17/08/2017 - Nessa data a CONACS e seus apoiadores estarão Mobilizados para defesa da PEC 22/2011. Acesse a convocatória da CONACS, clique aqui!

14/07/2017 - VÍDEO: A presidente da CONACS, Ilda Angélica, fala sobre a situação do Reajuste e da Mobilização.  Acesse aqui!

14/07/2017 - Relatório da PEC do reajuste salarial de agentes comunitários de saúde satisfaz a categoria. Acesse aqui!



A presidente da CONACS de forma objetiva e contundente fala sobe o cenário atual que envolve os ACS/ACE, ao falar aos quase 60.000 membros da Comunidade Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde (ACS e ACE).  Uma das comunidades administrada pela MNAS.

Sobre o PLC 56/2017, que visa impedir a extinção dos Agentes de Saúde (ACS e ACE), altera a Lei nº 11.350/06 para dispor sobre a reformulação das atribuições, a jornada e as condições de trabalho, o grau de formação profissional, os cursos de formação técnica e continuada e a indenização de transporte dos profissionais Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias.
No entanto, em audiência realizada no Senado Federal, houve configuração de risco de toda a nossa luta, uma vez que algumas entidades e alguns senadores podem fazer alterações no TEXTO ORIGINAL, com isso, poderá haver descaracterização do Projeto, além dele ter que voltar à Câmara dos Deputados para nova avaliação.


Caravana que partiu do Ceará











Agentes de Pernambuco




















Autorizada a reprodução dessa matéria desde que as fontes indicadas abaixo sejam citadas.

FonteJornal dos Agentes de Saúde do Brasil com informações do Senado Federal, publicado em 15/08/17, às 11h28. Atualizada em 16/08, ás 14h55.







https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif


sábado, 12 de agosto de 2017

Blindagem dos Agentes de Saúde: Campanha Nacional pela Aprovação do PLC 56/2017

Assim como ocorreu no início de 2006, as instituições que representam os gestores municipais se articulam para impedir que os ACS e ACE continuem existindo. Foto: Relatora do PLC 56/2017 e interessados debatem as propostas

Em toda a história dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias, nunca se viu uma articulação tão forte para extinguir essas categorias como a que vemos agora! O elenco envolvido não é nos estranho, envolve entidades como o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde – CONASEMS,  Conselho Nacional de Secretários de Saúde – CONASS, além daquela que amplamente tem militado contra os agentes, a CNM - Confederação Nacional de Municípios. São entidades que levaram o governo federal à edição das Portarias 958 e 959, que visavam substituir os agentes comunitários. Derrubada tais portarias, continua subsistindo as mesmas articulação, agora com um diferencial: o governo federal manifestou apoio, por meio de declarações do ministro Ricardo Barros (PP-PR).

Declarações explosivas do ministro Ricardo Barros deixou os agentes e saúde em pavorosa, confira o vídeo!

PL 6437/16 - No final do ano passado e durante esse ano, diversas Audiências Públicas foram realizadas em todas as regiões do Brasil para que a propostas do Projeto fossem conhecidas e ampliadas pelos ACS e ACE. Agora chegamos a uma nova faze, já que o Projeto agora está tramitando no Senado Federal.

Carta Capital Corrupção - Lava Jato abre ação de improbidade contra o PP e pede 2,3 bilhões de reais 


MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde reage as investidas do ministro da saúde e demais gestores

Com a finalidade de impedir que os planos perversos das referidas instituições e do governo se concretizem, a CONAC - Confederação Nacional dos Agentes de Saúde e seus apoiadores, entre os quais a MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde do Brasil - com a articulação de diversos parlamentares, realizaram uma campanha nacional para aprovação do PL 6437/16, atualmente PLC 56/2017. Entre diversos benefícios garantidos aos ACS e ACE, a proposta busca blindar esses profissionais para evitar a continuidade do plano maquiavélico de extinção dos agentes.

PLC 56/2017 altera a Lei nº 11.350, para dispor sobre a reformulação das atribuições, a jornada e as condições de trabalho, o grau de formação profissional, os cursos de formação técnica e continuada e a indenização de transporte dos profissionais Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias.

Atualmente a senadora Marta Suplicy é a relatora do Projeto. Visando fortalecer a garantia de êxito desse empreendimento, a MNAS empreende uma nova campanha nacional com a finalidade de aprovar o PLC 56/2017, sem que seja alterado pela relatora ou tenha a sua tramitação impedida. Clique aqui e acesse o Canal Especial desse projeto!

PL 6437/16 agora é PLC 56/2017. Ele visa garantir a existência dos Agentes de Saúde. Acompanhe a campanha nacional para aprovação do Projeto, clique aqui!

PL 6437/16: Acompanhe as Audiências sobre as Novas Atribuições dos Agentes de Saúde

Autorizada a reprodução dessa matéria desde que as fontes indicadas abaixo sejam citadas.

FonteJornal dos Agentes de Saúde do Brasil com informações do Senado Federal, publicado em 12/08/17, às 23h36.   





https://lh3.googleusercontent.com/-15TawoL0n0U/UPBtbni031I/AAAAAAAAHbw/K2NBNp4QKoM/s675/facebook-comments.gif


Campanha Nacional pela Aprovação do PLC 56/17

Bem-vindo ao Canal Especial pela Aprovação do  PLC 56/2017  antigo  PL 6437/16 15/08/2017 -  Diretores do SINDICOMUNITÁRIO-SP protoc...